Valongo cria percursos equestres num investimento de mais de 30 mil euros

O primeiro percurso é adequado para quem se está a iniciar na equitação
Foto
O primeiro percurso é adequado para quem se está a iniciar na equitação Carla Carvalho Tomás

O circuito de Percursos Equestres de Valongo, que inclui três trilhos, parte deles na serra de Pias, vai ser inaugurado no domingo, representando um investimento de mais de 30 mil euros daquela autarquia.

Em comunicado enviado à Lusa, o município informou que os Percursos Equestres de Valongo são os "únicos localizados na Área Metropolitana do Porto" e, acrescenta o presidente da câmara, José Manuel Ribeiro, "juntam-se ao Centro de BTT e ao Centro de Trail Running de Valongo, objectivo conseguido no espaço de um ano" considerando, por isso, tratar-se de uma "poderosa mais-valia para a dinamização do Parque das Serras do Porto e de toda a Área Metropolitana".

"No essencial, estamos a activar o território, oferecendo alternativas, por exemplo, à hotelaria que pode encontrar a 15 minutos do Porto novas ofertas para os turistas que visitam o Porto", argumentou o autarca.
Os três percursos, distintos e de diferentes graus de dificuldade, somam um total de 17,4 quilómetros, sendo que os desníveis positivos variam entre os 400 e 673 metros.

Segundo a autarquia, o percurso 1 "é ideal para situações de iniciação ao hipismo, promovendo um passeio de curta duração, em caminho amplo e sem inclinações significativas", enquanto o n.º 2 "permite um passeio de curta/média duração, acessível à maioria dos aficionados e desenvolve-se em piso de terra". O percurso 3 "é recomendado para praticantes com alguma experiência e robustez física" sendo que nos percursos, na passagem pelo Rio Ferreira, encontram-se zonas ideais para os cavalos se refrescarem, refere o comunicado da câmara.

A nota de imprensa refere ainda que o Centro Hípico de Valongo, instalação de apoio aos Percursos Equestres, detém serviço de "veterinário, siderotécnico para ferrar os cavalos, guias em inglês e francês, permissão para acesso a caninos, restaurante, loja equestre, camião e atrelado para cavalos, estacionamento para camiões, boxes e alojamento para cavalos particulares e bebedouro".