Kobu Agency/Unsplash
Foto
Kobu Agency/Unsplash

Este prémio é para as mulheres que trabalham em tecnologia

A 27 de Outubro, a Alfândega do Porto recebe um evento que pretende mostrar, premiar e celebrar as mulheres que contribuem para a evolução do panorama tecnológico e empreendedor nacional. E qualquer pessoa pode nomear uma figura feminina.

Do desequilíbrio entre a presença de homens e mulheres na comunidade empreendedora e tecnológica nacional nasceu uma plataforma que tem o objectivo de atenuar essa particularidade. Prestes a completar dois anos, a Portuguese Women in Tech quer dar mais visibilidade às mulheres que contribuem para o desenvolvimento da cena tecnológica em Portugal e vai eleger as figuras femininas que mais se destacam na área. A entrega de prémios acontece na Alfândega do Porto, a 27 de Outubro, sábado, num evento que "não é só para mulheres". 

Liliana Castro é a fundadora da plataforma e organizadora dos Portuguese Women in Tech Awards, que surgiram para, em primeiro lugar e para corroborar o objectivo da plataforma, dar uma maior visibilidade às mulheres. Além disso, assinala Liliana, repararam que "há diversas empresas a trabalhar no equilíbrio entre géneros". "E, por isso, tentámos com os prémios agregar o máximo de empresas possível num único evento e projecto comum." 

Até 24 de Setembro, qualquer pessoa pode nomear uma figura feminina que considere um "modelo a seguir" no sector tecnológico. Desde o início das votações, já foram feitas 400 nomeações e, até ao fim do prazo, Liliana pretende dobrar esse número. "As empresas têm-se mostrado muito interessadas em nomear as mulheres com que colaboram", nota. 

Até à escolha das vencedoras, o concurso vai passar por várias fases. Da selecção inicial, resultante da votação pela comunidade empreendedora, a Portuguese  Women  in  Tech vai escolher as cinco mulheres mais votadas em cada uma das nove categorias, a anunciar a 1 de Outubro. A partir dessa data, as votações abrem novamente para se escolherem as três finalistas — anunciadas a 20 de Outubro. Os respectivos prémios vão ser entregues numa cerimónia a ter lugar na Alfândega do Porto, sete dias depois.

Mostrar o potencial das mulheres

Em Abril de 2018, a Portuguese Women in Tech publicou uma lista de mulheres relevantes em diversas áreas – desde a segurança informática à comunicação especializada em tecnologia e ainda especialistas em inteligência artificial, entre outras – com "o objectivo de criar um documento com informação que qualquer organizador de eventos pudesse consultar", relembra Liliana Castro, ao P3. Hoje, a The  Portuguese  Female Speakers List já conta com mais de 160 nomes. 

Mas a acção da plataforma não fica por aqui. "Para que mais mulheres compreendam a sua importância e impacto e, dessa forma, se juntem à comunidade tecnológica", foi criado um livreto distribuído nas escolas do Porto. Já em Outubro, avança Liliana, uma nova edição deste booklet vai ser lançada e distribuída a nível nacional.