Sp. Braga conquista Supertaça feminina pela primeira vez

Minhotas derrotaram o Sporting na final, no desempate por grandes penalidades.

Foto
LUSA/NUNO ANDRÉ FERREIRA

O Sp. Braga conquistou neste domingo, pela primeira vez no seu historial, a Supertaça portuguesa de futebol feminino. No Estádio Municipal do Fontelo, em Viseu, as minhotas derrotaram o Sporting no desempate por grandes penalidades, depois de uma igualdade (1-1) no tempo regulamentar e no prolongamento.

O Sporting, detentor do troféu, entrou praticamente a ganhar no encontro. Aos 6', foi assinalada uma falta na área bracarense, sobre Ana Borges, e Tatiana Pinto não vacilou quando foi escolhida para marcar a grande penalidade.

O golo do empate chegaria a oito minutos do final, por intermédio de Francisca Cardoso, levando, à imagem do que acontecera na edição anterior, a decisão do vencedor para prolongamento.

Desta vez, porém, foi preciso mesmo recorrer ao desempate por penáltis, porque não houve golos no tempo extra. E neste capítulo a sportinguista Baldwin foi a primeira e única a falhar, permitindo ao Sp. Braga conquistar o troféu (5-4).