Fernando Santos vai divulgar convocados e Ronaldo deverá ficar de fora

Fernando Santos divulgará os convocados às 13h, na Cidade do Futebol, em Oeiras. Primeiro jogo da selecção nacional é contra a Croácia. Ronaldo pediu dispensa dos dois primeiros jogos.

Encontro está marcado para dia 6 de Setembro
Foto
Encontro está marcado para dia 6 de Setembro LUSA/MANUEL FERNANDO ARAUJO

A ausência de Cristiano Ronaldo deverá marcar a convocatória do seleccionador português de futebol, Fernando Santos, para os próximos dois jogos da equipa portuguesa. Depois de ter participado no Mundial de 2018 na Rússia, no qual "caiu" nos oitavos-de-final, a selecção lusa volta à acção, primeiro frente à Croácia, vice-campeã mundial, e depois com a Itália, na estreia da nova prova da UEFA, a Liga das Nações.

Na primeira convocatória de Portugal após o afastamento nos oitavos do Mundial frente ao Uruguai, Cristiano Ronaldo, que recentemente trocou o Real Madrid pela Juventus, solicitou a dispensa para estes dois primeiros jogos, pedido atendido pelo seleccionador e federação.

De resto, o médio benfiquista Pizzi, que lidera a lista de marcadores da I Liga, com quatro golos, e o avançado "leonino" Nani, ambos a protagonizarem um bom início da temporada, são candidatos a regressar aos eleitos de Fernando Santos. Outra das surpresas na lista de convocados pode ser o jovem defesa-central do FC Porto Diogo Leite, de 19 anos, que se tem destacado na equipa principal dos campeões nacionais e soma 46 internacionalizações nas selecções jovens.

A selecção portuguesa, campeã europeia, defronta a Croácia, vice-campeã mundial, em 6 de Setembro, às 19h45, no Estádio do Algarve, num jogo particular, e, quatro dias depois, a equipa das "quinas" defronta, no Estádio da Luz, em Lisboa, também às 19h45, a Itália, em jogo da primeira jornada do grupo 3 da Liga das Nações.

A divulgação dos convocados está agendada para as 13h, na Cidade do Futebol, em Oeiras, sendo que, pouco depois, Rui Jorge, seleccionador dos sub-21, anuncia os nomes dos convocados para os jogos com a Roménia e com o País de Gales, de qualificação para o Campeonato da Europa de 2019, a disputar em Itália.