Desta vez a reviravolta sorriu ao Sp. Braga

Minhotos venceram o Desp. Aves na 3.ª jornada e engrossam o lote de líderes do campeonato.

Foto
LUSA/HUGO DELGADO

Os últimos jogos do Sp. Braga tinham deixado no ar uma nota de preocupação, com a equipa a desbaratar rapidamente as vantagens que ia conseguindo no marcador. Neste domingo, foi ao contrário. Em casa, os minhotos começaram a perder diante do Desp. Aves, mas deram a volta com autoridade (3-1) e passaram a integrar o quarteto de líderes do campeonato.

PÚBLICO -
Foto
Livescore

Os golos ficaram inteiramente reservados para o segundo tempo. O central Defendi colocou a Pedreira em estado de alerta logo no reatamento, oferecendo a vantagem ao Desp. Aves e elevando os níveis de tensão no adversário. Só que a resposta foi contundente.

Logo aos 60’, Wilson Eduardo surgiu na área, descaído sobre a direita, para uma conclusão superior que igualou a partida e lançou as bases da recuperação. Perante o assédio crescente dos minhotos, o Desp. Aves cedeu mesmo. Canto e cabeceamento perfeito de Palhinha, a quem tinha sido entregue a titularidade (64’).

A pressão manteve-se e voltou a dar frutos aos 78’, graças a um cabeceamento imponente de Dyego Sousa, que se juntou a Pizzi no topo da lista dos melhores marcadores, ficando instantes depois muito perto de bisar na partida. 

Apesar das bolas nos ferros, o resultado não se avolumou mas foi suficiente para, pela diferença de golos, colocar o Sp. Braga no topo da tabela, ainda que com os mesmos pontos de Benfica, Sporting e Feirense.