Emigração

Os pais de Melania já são norte-americanos

O casal esloveno vive há anos nos EUA, mas só agora recebeu a nacionalidade
Foto
Reuters/Kevin Lamarque

À pergunta se a primeira-dama teve algum poder sobre a decisão, o advogado dos pais de Melania Trump, um especialistas em direito da migração, declinou responder. O que é certo é que o casal Viktor e Amalija Knavs, de 74 e 72 anos respectivamente, obteve na quinta-feira a cidadania norte-americana numa altura em que as leis do genro, Donald Trump, são cada vez mais rígidas.

Atingiu o seu limite de artigos gratuitos

O advogado Michael Wildes declarou à ABC News que o casal se candidatou para receber a cidadania, mas não explicou quais os meios ou através de que programa a obtiveram. “Foi um processo normal. Como qualquer pessoa, você pode candidatar-se depois de cinco anos com o green card. Foi tudo feito legalmente”, declarou o advogado, reforçando que “o pedido, o processo, a entrevista não foi diferente do que qualquer outra pessoa faria”.

Wildes também não respondeu à questão sobre como é que o casal obtera o chamado green card, um visto de residência permanente que, neste caso, terá sido concedido por serem pais de uma cidadã norte-americana. Os Knavses são eslovenos e emigraram há alguns anos para os EUA, depois de o neto – Baron, 11 anos, filho de Melania e de Donald Trump – ter nascido.