Fugas

Gastronomia

Como é jantar no “restaurante” com a experiência mais cara do mundo?

Refeição multimédia, extravagância cénica tecnogastronómica ou excentricidade sensorial para milionários? E no meio de tudo isto, a comida tem relevância ou é um mero acessório? Eis o Sublimotion, em Ibiza.