Medina diz que acordo com o Bloco “mantém-se inalterado”

Presidente da câmara de Lisboa pronunciou-se pela primeira vez sobre Ricardo Robles, agradecendo-lhe o trabalho como vereador e deputado municipal.

Foto
Adriano Miranda (arquivo)

O acordo entre PS e Bloco de Esquerda na câmara de Lisboa é para manter. Essa é, pelo menos, a intenção do presidente da câmara, Fernando Medina, que no Facebook se pronunciou pela primeira vez esta segunda-feira sobre a renúncia de Ricardo Robles ao mandato de vereador. “O acordo político celebrado depois das eleições autárquicas entre o PS e o Bloco de Esquerda”, escreve o autarca, “mantém-se inalterado”.

Medina revela que falou com a direcção do Bloco e que esta “garantiu o empenho na prossecução do acordo”. A comissão política do Bloco de Esquerda deve decidir brevemente quem sucede a Robles na autarquia, onde tinha os pelouros da Educação e Direitos Sociais.

O presidente da câmara, que está de férias, diz igualmente no Facebook que vai promover uma reunião entre a concelhia do PS e o Bloco de Esquerda “no sentido de assegurar as condições para reforçar a prossecução do acordo estabelecido”.

post de Fernando Medina começa por agradecer a Ricardo Robles "o seu trabalho e o seu empenho ao serviço da Cidade, qualidades que demonstrou como deputado municipal e como vereador, quer na oposição quer no exercício de funções de vereador com pelouro".