Futebol nacional

Todos os jogos da II Liga serão transmitidos

Dois encontros por jornada vão passar na televisão e os restantes terão transmissão em streaming.
Foto
LUSA/PAULO NOVAIS

“Todos os jogos da II liga terão cobertura televisiva”. A novidade foi anunciada pelo presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Pedro Proença, no final da III Cimeira de Presidentes, que reuniu em Coimbra, nesta quarta-feira, responsáveis dos clubes do primeiro e do segundo escalões do futebol português. 

Atingiu o seu limite de artigos gratuitos

“Se nos reportarmos ao que se passava há três anos, é uma grande vitória para o futebol profissional”, afirmou o responsável aos jornalistas no final do encontro que teve lugar no Convento São Francisco. E acrescentou: “O futebol faz-se não só dos maiores, mas também dos mais pequenos, que precisam desta visibilidade”. 

A direcção da Liga não esclareceu totalmente em que moldes isso acontecerá, mas tudo indica que dois jogos por jornada terão transmissão tradicional, ou seja, no formato televisivo, sendo que os restantes passarão em streaming, na Internet. 

Na cimeira de Coimbra, os clubes acordaram ainda que, até ao final de Agosto, serão definidos e aprovados novos estatutos da LPFP, que irá “contemplar um novo modelo de governação”. Na calha está a criação do Conselho de Presidentes, um órgão deliberativo composto pelo presidente da Liga e pelos presidentes das Sociedades Anónimas Desportivas. 

Pedro Proença afirmou que há a “vontade colectiva de que isso aconteça e de que efectivamente" haja um modelo de governação com "uma abordagem muito mais empresarial”, com vista a responder “de forma muito mais eficaz àquilo que são as necessidades das sociedades desportivas”.

“Sente-se que hoje a direcção executiva [da Liga] e o seu presidente têm que ter uma capacidade e mobilidade de execução muito mais célere”, destacou o antigo árbitro internacional. 

As conclusões saíram de uma reunião que não contou com os presidentes do FC Porto nem do Benfica. O Sporting esteve representado pelo presidente da comissão de gestão, Artur Torres Pereira, e não por Sousa Cintra, que dirige a SAD. O advogado Hugo Silva Nunes marcou presença pelo FC Porto, enquanto o administrador da SAD do Benfica, Domingos Soares Oliveira, representou o clube da Luz. Arouca, Penafiel, Nacional e Leixões não estiveram na cimeira de Coimbra. 

Pedro Proença desvalorizou a ausência de Pinto da Costa e de Luís Filipe Vieira. “Estamos numa fase da época em que o envolvimento negocial dos próprios presidentes não lhes permite muitas vezes cá estarem presentes para a discussão”, refere. O responsável sublinha ainda que foi a primeira vez em que os três grandes “estiveram presentes”. "Os que se fizeram representar estavam mandatados para tomar decisões”, destacou. 

Os presidentes dos clubes das I e II Ligas voltam a reunir-se a 10 de Outubro, novamente no Convento São Francisco, para a IV Cimeira de Presidentes.