i-album

Refugiados

Macron não “quis ofender” e o novo chefe de Governo de Itália vai mesmo ao Eliseu

Não houve o exigido pedido de desculpas, mas um telefonema chegou para confirmar um encontro que o caso do Aquarius parecia ter posto em causa.