Comissão de Fiscalização do Sporting suspende Bruno de Carvalho

O presidente do clube já reagiu e fala em assalto ao poder, garantindo que vai continuar no cargo.

Bruno de Carvalho
Foto
Bruno de Carvalho Reuters/PEDRO NUNES

Bruno de Carvalho foi suspenso das funções de presidente do Conselho Directivo do Sporting nesta quarta-feira. A decisão tem efeitos imediatos e foi tomada pela Comissão de Fiscalização do clube.

A medida já foi comunicada ao Conselho Directivo do Sporting, que tem agora dez dias para recorrer.

Neste preciso momento, e na sequência desta medida, o clube passa a ser dirigido pelo presidente da Mesa da Assembleia Geral, Jaime Marta Soares que deverá, dentro das próximas horas, nomear uma Comissão de Gestão para dirigir os destinos do clube até à Assembleia Geral destitutiva, agendada para dia 23 de Junho. E quando esta Comissão de Gestão tomar posse, irá dirigir o clube e indicar o representante deste na SAD "leonina", onde é accionista maioritário.

A Comissão de Fiscalização considera ter legitimidade para tomar esta decisão, já que sublinha que foi nomeada de acordo com os estatutos do Sporting e por quem tinha legitimidade para o fazer - Mesa da Assembleia Geral. No entanto, Bruno de Carvalho tem dito que não reconhece esta Comissão de Fiscalização, criada, precisamente, para substituir o Conselho Directivo. Aliás, o único órgão social do Sporting que Bruno de Carvalho reconhece estar em funções é, precisamente, o Conselho Directivo.

O líder sportinguista reagiu de imediato a este anúncio de suspensão: "Aqui está a golpada de que estou a falar faz duas semanas. Este pelotão de fuzilamento que se auto-intitula Comissão de Fiscalização foi criada para isto: 1. Nunca quiseram realizar a AG de dia 23; 2. É uma tomada de poder à força; 3. É completamente ilegal tudo o que se está a passar. Os sócios têm de se revoltar perante esta tomada de poder! Quem manda no clube são os sócios todos e não meia dúzia."

Bruno de Carvalho anunciou, entretanto, que vai realizar uma conferência de imprensa nesta quarta-feira, às 14h.