Palcos da semana

Músicas e manifestos no palco e nos bastidores. E o regresso de Belzebu...

Rio de Janeiro, Caranguejo, Porto Alegre, Caixa Cultural São Paulo
Foto
Elisa Mendes

Festival
Outras forças

Lulu, encenação de Nuno M. Cardoso de textos de Frank Wedekind, onde acompanhamos a descida de Lulu da alta-sociedade berlinense às ruas de Londres, é uma das estreias desta edição do FITEI - Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica. Este ano, o tema central é o “empoderamento” e é com esse mote que vão também estar em palco Caranguejo Overdrive, reflexão de Marco André Nunes sobre o Brasil contemporâneo a partir da história de um apanhador de caranguejos; Great Yarmouth, projecto de Marco Martins com trabalhadores portugueses emigrados nessa região, entre muitas outras peças. Em paralelo, vão decorrer sessões de poesia, debates, lançamento de revistas, festas e concertos.

PORTO Vários locais.
De 12 a 22 de Junho (programa completo aqui)
Passes entre 20 e 30 €.

PÚBLICO -
Foto

Música
Belzebu 2018

Vítor Rua reestrutura os Telectu, sete anos depois da morte de Jorge Lima Barreto, para comemorar o 35.º aniversário do álbum Belzebu. Formados em 1981 e activos durante mais de três décadas, os Telectu fizeram um percurso artístico transversal, no qual se destaca a colaboração com António Palolo, conseguindo constituir uma discografia de referência no contexto nacional, e até internacional. Na próxima sexta-feira, Vítor Rua, acompanhado por António Duarte, recorrendo aos instrumentos musicais e dispositivos visuais da época, vai reinterpretar aquela que é hoje considerada a “primeira obra minimal-repetitiva feita em Portugal”.

LISBOA Teatro Maria Matos
Dia 15 de Junho, às 22h.
Bilhetes de 3€ a 12€.


 

PÚBLICO -
Foto

Teatro
Para além do palco

Porque teatro não é só o que se vê no palco, n’Os Dias do Público, o Teatro São Luiz abre mais uma vez todas as suas portas e todos os seus espaços. Com um programa pensado pelo próprio público durante o ano, ao longo de três dias, vai poder ver-se os bastidores do teatro, em visitas guiadas por especialistas e amadores, assistir a ensaios e a espectáculos comentados, participar em leituras encenadas e debates, ouvir e tocar em concertos, e até dormir lá. Através de uma troca de papéis e em jeito de festa, quer-se assim pensar o teatro como espaço público e o seu lugar na cidade.

LISBOA São Luiz Teatro Municipal
De 15 a 17 de Junho (programa completo aqui). 
Dia 15, às 18h. Dias 16 e 17, às 11h.
Grátis.

PÚBLICO -
Foto

Pintura
Traços

Falecido em 1990, desde então a obra de Joaquim Bravo tem vindo a ser lentamente descoberta. Depois da retrospectiva no C.A.M./ Gulbenkian em 2010 e da exposição no Teatro da Politécnica em 2015, agora é a vez da Galeria Neupergama apresentar uma série de desenhos, parte deles até hoje inéditos. Obras sobre papel, como indica o título da exposição, realizadas com lápis, tinta-da-china, feltro e/ou grafite, pode aí ver-se o seu habitual trabalho de formas geométricas, espaços, linhas e cor, numa trajectória que abrange toda a sua vida como artista e que dá conta da liberdade e consistência do seu percurso.

TORRES NOVAS Galeria Neupergama
De 26 de Maio a 31 de Julho.
Quarta a sexta, das 13h30 às 18h. Sábado e domingo, das 14h às 19h.
Grátis.

PÚBLICO -
Foto

Festival
Dentro e fora

Arranca este sábado, dia 16, o Festival À Porta, com um concerto da banda punk The Parkinsons. Ao longo de mais de uma semana, Leiria vai encher-se de música. Desde o afro-beat do lendário Bonga aos instrumentais de Dead Combo, passando pelo garage-rock dos novíssimos Fugly, o pós-rock dos Jibóia e o pós-todos os géneros musicais de Conan Osiris, até um concerto especial dos locais First Breath After Coma. Tudo isto, e muito mais, intercalado com performances e workshops e complementado por exposições de fotografia e de pintura e uma feira de edições independentes.

LEIRIA Vários locais
De 16 a 24 de Junho (programa completo aqui)
Grátis excepto concertos The Parkinsons, First Breath After Coma e Dead Combo (10€ a 12,50€)