Dmitri Popov/Unsplash
Foto
Dmitri Popov/Unsplash

Vamos falar sobre mulheres na arquitectura?

Esta quarta e quinta-feira realizam-se duas conferências sobre o papel das mulheres na arquitectura. Encontros abrem caminho à Archi Summir que arranca em Julho

Duas conferências sobre o trabalho das mulheres na arquitectura, a realizar esta quarta e quinta-feira, no Porto e em Lisboa, respectivamente, antecipam a quarta edição da Archi Summit, a decorrer em Julho, na LX Factory, em Lisboa.

A conferência desta quarta-feira reúne, na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (FAUP), as arquitectas Maria Souto de Moura, colaboradora do atelier de Álvaro Siza, e Filipa Guerreiro, co-fundadora do Atelier da Bouça, professora e investigadora da FAUP, de acordo com o site desta faculdade.

Um dia depois, na quinta-feira, em Lisboa, cruzam-se as opiniões das arquitectas Gabriela Gonçalves, do atelier GGLL, professora do ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa (onde se realiza o encontro), e Célia Faria, do atelier Bica Arquitectos, que falam sobre o futuro da arquitectura.

As duas conferências têm por objectivo "cruzar duas gerações de mulheres arquitectas, numa profissão que mais facilmente prestigia e premeia no masculino", e contribuir para "a mudança de paradigmas, dando destaque à qualidade da arquitectura no feminino", segundo a organização dos dois encontros, que abrem caminho à Archi Summit.

Encontro internacional de arquitectura realizado desde 2015, por iniciativa da Modal Creativity, com organizações do sector, a Archi Summit reuniu, nas três edições anteriores, arquitectos como Álvaro Siza, Carrilho da Graça, Gonçalo Byrne, Nuno Portas, Nuno Brandão Costa, Aires Mateus, Pascal Flammer, Johannes Norlander, Ryan Kennihan, Arno Brandlhuber e Valerio Olgiati, mobilizando mais de 2000 profissionais, em conferências, debates, apresentações de projectos e demonstrações.

Depois de duas edições no Porto, no Silo Auto e no Antigo Matadouro Industrial de Campanhã, e da edição de 2017 no Pavilhão de Portugal, em Lisboa, a Archi Summit mantém-se este ano na capital, na LX Factory, com o objectivo de "homenagear a simbiose entre o bruto e o quase devoluto".

A conferência de quarta-feira, com Maria Souto de Moura e Filipa Guerreiro, tem lugar na Sala Plana da FAUP, a partir das 15h; a de quinta-feira realiza-se no auditório do ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, a partir das 11h.