Ariana Grande sofre de stress pós-traumático

Em entrevista à Vogue britânica, a cantora conta como tem lidado com o rescaldo da tragédia de Manchester.

2018 Billboard Music Awards, Ariana Grande, Cantora e compositora, Billboard Music Awards
Foto
REUTERS/Mario Anzuoni

Com um novo visual loiro, Ariana Grande é a capa de Julho da Vogue britânica. Em entrevista à revista, um ano depois do atentado no concerto de Manchester provocada por um bombista suicida, a cantora revela que sofreu sintomas de stress pós-traumático.

"É difícil falar sobre isto porque tantas pessoas sofreram uma perda tão grave e tremenda. Mas, sim, [o stress pós-traumático] é uma coisa real. Eu sei que aquelas famílias, os meus fãs e todos também passaram por isso", conta a cantora de 24 anos. "O tempo é a coisa mais importante. Sinto que nem deveria estar a falar da minha própria experiência – como se não devesse dizer nada. Não sei se alguma vez vou conseguir falar sobre isto e não chorar", desabafa ainda.

De acordo com a Sociedade Portuguesa de Psiquiatria e Saúde Mental, o stress pós-traumático é um dos tipos de perturbações de ansiedade, a par das fobias, ataques de pânico e perturbação de ansiedade generalizada. "Todas têm em comum um sentimento de ansiedade exacerbado, que se prolonga durante vários meses e constituem a perturbação psiquiátrica mais frequente", lê-se no site. Distinguem-se da ansiedade normal do dia-a-dia "quando existe um medo e ansiedade desproporcionado, que perduram há pelo menos seis meses e que têm um verdadeiro impacto na vida quotidiana".

No mês passado, Ariana Grande mostrou a tatuagem de uma abelha – animal que simboliza a cidade de Manchester – que fez por detrás da orelha esquerda, escrevendo "para sempre" no Twitter. No aniversário da tragédia – que resultou em 22 mortes e cerca de 50 feridos –, partilhou ainda uma mensagem: "Envio-vos a todos a luz e o calor que tenho para oferecer neste dia difícil". A cantora lançou em Abril o single No Tears Left to Cry, o primeiro desde a tragédia de Manchester.

A entrevista completa chega às bancas esta sexta-feira, 8 de Junho.