Fitch reafirma notação de "BBB" à dívida pública de Portugal

Agência salienta que a tendência de redução da dívida pública manteve-se desde a última revisão do rating de Portugal, em 15 de Dezembro

,
Foto
LUSA/Paulo Cunha

A Fitch reafirmou hoje a sua nota de triplo B ("BBB") para a dívida pública portuguesa, o que a mantém na categoria de investimento, onde tinha sido colocada pela agência de notação financeira em Dezembro passado.

Ao mesmo tempo, a empresa de ratings manteve a perspectiva estável, o que indicia a manutenção da notação ora reafirmada.

Em comunicado, a agência atribui a sua decisão, por um lado, à ponderação das capacidades institucionais de Portugal, em que se situa acima dos outros países com a mesma classificação em variáveis como rendimento por pessoa ou desenvolvimento humano, e, por outro lado, à melhoria de indicadores económicos e orçamentais conjugada com níveis elevados de dívida pública e externa e vulnerabilidades no sector financeiro.

A Fitch salientou que a tendência de redução da dívida pública manteve-se desde a última revisão do rating de Portugal, em 15 de Dezembro, que melhorou em dois patamares a nota atribuída, de "BB+" para "BBB", o segundo nível da categoria de investimento.

O que se passou desde então reforçou o entendimento da agência de que a trajectória de redução da dívida é firme e vai continuar no médio prazo.