Danny Boyle vai dirigir Daniel Craig no 25.º filme do agente secreto 007

O novo filme do franchise 007 – o quinto filme de Craig no papel de agente secreto – chegará às salas de cinema no final do próximo ano.

Danny Boyle realizou <i>127 Horas</i> e <i>Trainspotting</i>
Foto
Danny Boyle realizou 127 Horas e Trainspotting Reuters/LUCAS JACKSON

Rumores já havia, mas só agora chegou a confirmação oficial: Danny Boyle, o britânico de 61 anos que assinou Trainspotting, é o realizador escolhido para o 25.º filme da franchise 007. Num comunicado publicado esta sexta-feira, os produtores Michael Wilson e Barbara Broccoli confirmaram os rumores, dizendo estar “encantados” por anunciar a escolha de Boyle para o filme que terá, pela quinta vez, Daniel Craig como James Bond, papel que assume desde 2006.

Chegou a pensar-se que Daniel Craig estaria fora da lista de quem interpretaria o agente secreto, com o realizador dos dois últimos episódios da saga, Sam Mendes, a assegurar que “o próximo 007 não será quem vocês esperam”. Vários outros nomes, como Tim Hiddleston, Aidan Turner ou Idris Elba, foram apontados como potenciais sucessores de Craig no filme que marca os 25 anos do franchise. No Verão do ano passado, o New York Times avançava que o novo filme do agente do MI6 ainda teria o relutante Daniel Craig como protagonista e o próprio actor confirmou-o em Agosto.

PÚBLICO -
Foto
Daniel Craig voltará a interpretar o papel do agente secreto James Bond Luke MacGregor/REUTERS

Já o realizador Danny Boyle – que venceu um óscar de Melhor Realizador pelo seu filme de 2008, Quem quer ser Bilionário?, e que realizou filmes como 127 Horas e as duas versões de Trainspotting –, tinha dado a entender em Março deste ano que estaria a trabalhar no filme.

O filme que tem a personagem James Bond como protagonista começará a ser produzido em Dezembro deste ano; as primeiras filmagens serão feitas nos estúdios Pinewood, no Reino Unido. O filme será lançado no último trimestre do próximo ano: na Grã-Bretanha estreia em Outubro de 2019 e nos Estados Unidos a 8 de Novembro. Ainda não há data anunciada para Portugal.