Rali de Portugal condiciona mais de 40 linhas da STCP

O Rali de Portugal, que decorre entre os dias 17 e 20 deste mês, vai passar pelo Porto na próxima sexta-feira e traz consigo alguns condicionamentos de trânsito na Baixa da cidade.

Campeonato Mundial de Rali, World Rally Car, Carro, Auto Racing
Foto
A grande novidade da etapa é a passagem inédita pelos Clérigos. Ricardo Castelo \ Nfactos

A passagem do Rali de Portugal pela Invicta, num percurso que se estende por cerca de dois quilómetros, vai provocar algumas alterações nas carreiras dos autocarros da STCP.

A etapa portuense arranca na Sé esta sexta-feira, cortando depois pela Rua Sá da Bandeira e pela Praça D. João I para regressar à Avenida dos Aliados. A grande novidade da etapa é a passagem inédita pelos Clérigos, terminando em frente ao Tribunal da Relação, junto ao Jardim da Cordoaria.

Entre as 21h de quinta-feira e as 7h de sábado, as linhas que atravessam ou terminam no perímetro abrangido pela prova serão desviadas para fora da área condicionada.

É de salientar que as linhas circulares 302 e 303 vão terminar na Boavista, ficando a última paragem do trajecto inverso localizada no Campo 24 de Agosto. A linha 207 circulará apenas entre o Mercado da Foz e a Rua da Restauração, pelo que o percurso entre a Baixa e Campanhã ficará a cargo da linha 400, com término deslocado para a Batalha.

As linhas 200, 201, 207, 208, 300, 301, 501, 507, 601, 602, 1M, 10M, 12M e 13M vão terminar na Rua da Restauração. Na Trindade, vão finalizar as linhas 202, 304, 600, 3M, 4M e 11M, ao passo que as linhas 502, 701, 702, 5M e 11M têm a última paragem na Rua do Bolhão.

Na Rua Alexandre Braga ficarão as paragens término para as linhas 305, 401, 700, 800, 801, 7M e 8M e na Batalha o final das linhas 400, 901, 904, 905 e 906. Já no Campo 24 de Agosto vão terminar as linhas 300 e 301.

A linha 703 acaba na Rua Dr. Alfredo Magalhães, a linha 500 no Infante e a ZM na Alfândega. Por fim, as linhas 402, 508, 704, 803, 907 e ZM vão finalizar no Bom Sucesso.

Suprimidas estão a linha 900, substituída pelas linhas 901 e 906, com fim deslocado para a Batalha, e as linhas de eléctricos 18 e 22.

O evento organizado pelo Automóvel Clube de Portugal vai passar por Guimarães, Lousada, Viana do Castelo, Caminha, Ponte de Lima, Porto, Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto, Amarante e Fafe. Na sexta-feira, no Porto, a competição tem início às 19h, mas as portas abrem ao meio-dia para exibições.

Ainda que a organização tenha duplicado o número de lugares em relação à edição de 2016, há já uma bancada esgotada nos Aliados. Os bilhetes para as bancadas dispostas ao longo do percurso custam 20 euros. Na bancada VIP, paga-se 75 euros, preço que inclui alimentação. Haverá ainda zonas sem bancadas, abertas ao público.

A cerimónia de pódio está marcada para as 15h45 do dia 20 (domingo), em Matosinhos.

Texto editado por Ana Fernandes