Financiamento

Programa espanhol aberto a projectos portugueses

Candidaturas na área da saúde e da biomedicina ao programa CaixaImpulse podem ser submetidas até 2 de Maio.
Foto
Os projectos podem ser financiados até 100 mil euros Fernando Veludo/nFACTOS

Pelo segundo ano, cientistas em Portugal podem concorrer ao programa espanhol CaixaImpulse com projectos na área da saúde e da biomedicina. Aberto a 19 de Março, o período de candidaturas estende-se até 2 de Maio, podendo ser feito através do site do programa. Nesta edição, os projectos podem ser financiados até 100 mil euros.

Atingiu o seu limite de artigos gratuitos

Qual o objectivo do programa? Esta iniciativa da Fundação Bancária la Caixa e a Caixa Capital Risc, que vai agora na quarta edição, visa promover, segundo um comunicado de imprensa, “a transformação do conhecimento científico criado em centros de investigação, universidades e hospitais em empresas e produtos que geram valor para a sociedade, tanto sob a forma de uma empresa spin-off como através de um acordo de transferência”. O programa conta também com o apoio do Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT-Health), um consórcio europeu de empresas, universidades e centros de investigação.

Os projectos terão duas fases de selecção. Na primeira, as candidaturas serão avaliadas por especialistas da área das ciências da vida, da saúde e dos negócios. Na segunda fase, depois de terem sido seleccionados 35 projectos, haverá uma entrevista presencial dos investigadores por um painel de especialistas europeus de várias áreas, como da farmácia e biotecnologia. No final, são escolhidos cerca de 20 projectos.

No ano passado, houve seis candidaturas portuguesas e uma delas foi escolhida. Esta equipa é da Universidade de Coimbra e o objectivo do seu projecto de investigação é o desenvolvimento de um produto de higiene oral que previna a formação da placa bacteriana precoce, evitando cáries e outros problemas dentários associados a essa placa.