A "realeza moderna" inspira o equipamento para o Mundial na Rússia

Linha produzida uma vez mais pela marca desportiva Nike aposta num design com pormenores em dourado que "simbolizam a conquista histórica" do Euro 2016.

Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria

A selecção nacional de futebol apresentar-se-á no Mundial 2018, a ter lugar na Rússia, como campeã da Europa e a nova linha de equipamento produzido pela Nike faz questão de sublinhar essa conquista feita em Paris, na final frente à selecção francesa. Os equipamentos a usar pela formação orientada por Fernando Santos foram apresentados nesta segunda-feira à noite e, segundo os responsáveis da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), os "reis da Europa" apresentar-se-ão ao mundo com uma "colecção condizente com o seu novo estatuto real".

Apostando num "design classicamente português", a nova linha inclui "pormenores em dourado que simbolizam a conquista histórica" do título europeu conseguido no Euro 2016. É isso o que salienta Pete Hoppins, director de design da Nike Football. "A realeza moderna é o que se destaca no equipamento. Desde Luís Figo a Cristiano Ronaldo, Portugal tem um número considerável de jogadores icónicos que lideraram e uniram a equipa ao longo do tempo", anota o mesmo responsável. Porém, nesta linhagem há um nome que sobressai e é esse quem "encaixa no tema desta colecção da realeza moderna", precisamente o "capitão" da selecção, Cristiano Ronaldo. Ele "é o herói português. Queremos contar a história do rei moderno do futebol que lidera a sua equipa".

Com o equipamento principal, aquela marca de roupa desportiva pretendeu "celebrar o presente de Portugal". E com o equipamento alternativo, quis piscar o olho às novas gerações, feita por "jogadores como João Mário, André Silva ou Gelson Martins", celebrando assim "o futuro". "Portugal é um país de descobertas e isso estende-se à sua paixão e atitude em relação ao futebol”, acrescenta Hoppins. E como é que esse espírito de renovação e busca pelo novo é transmitido? Incorporando no equipamento alternativo "símbolos da sua história marítima". 

Já o equipamento de treino inclui uma grande cruz portuguesa, retirada da bandeira nacional, que domina a parte da frente da camisola.