Lello estreia programa Autor do Mês com Valter Hugo Mãe

Ao longo de Março, a livraria portuense dedicará várias sessões ao escritor, de quem irá também expor 14 desenhos a tinta-da-china criados de propósito para esta ocasião.

Foto
Valter Hugo Mãe jsb Joana Bourgard

Valter Hugo Mãe inaugura esta quarta-feira o programa Autor do Mês lançado pela livraria Lello, onde é inaugurada, às 18h00, a exposição Agradecer aos Pássaros, uma série de 14 desenhos a tinta-da-china que o autor de a máquina de fazer espanhóis ou o apocalipse dos trabalhadores criou expressamente para esta ocasião.  

A sessão, na qual participará o pintor Francisco Laranjo, que ajudará o escritor a fazer uma visita guiada pela exposição, servirá ainda para apresentar este novo projecto da Lello, que todos os meses levará um novo autor àquela que já foi considerada a livraria mais bonita do mundo.

Valter Hugo Mãe irá também inaugurar um espaço até agora invisível da livraria portuense, a sua cave, que as recentes obras de restauro do edifício reabilitaram para uso público. Ao contrário da livraria propriamente dita, este e outros espaços da Lello reservados para a programação cultural poderão ser frequentados gratuitamente.

No Dia Internacional da Mulher, 8 de Março, leitoras de Valter Hugo Mãe darão voz às palavras escritas pelo autor de que mais gostam, e nas duas quintas-feiras seguintes a Lello voltará a acolher leituras da sua poesia. Haverá ainda dois encontros do autor com um público mais jovem, nas manhãs dos dias 11 e 25, e a 15 de Março a livraria servirá de cenário a uma performance artística, na qual 14 artistas convidados intervirão sobre os desenhos de Valter Hugo Mãe. O resultado dessas apropriações artísticas ficará exposto até ao final do mês, e um desses desenhos intervencionados irá ser oferecido como primeiro contributo para a criação de uma “Galeria de Autores” da Lello, adianta um comunicado da livraria.

O programa encerra a 24 com uma conversa do autor com os seus leitores, um dos quais receberá um desenho original da sua autoria.

A escolha de Valter Hugo Mãe para inaugurar este projecto, e a opção por um programa mais centrado na sua produção lírica do que na sua ficção, pela qual é hoje mais conhecido, deveu-se ao facto de se celebrar este mês o dia mundial da poesia, a 21 de Março, mas também, explicou ao PÚBLICO a ensaísta Maria Bochicchio, produtora cultural da livraria, à circunstância de estar a chegar às livrarias uma nova edição da obra poética do autor, reorganizada e acrescida de inéditos. O volume, intitulado publicação da mortalidade, terá a chancela da Assírio & Alvim e deverá chegar às livrarias no próximo dia 15, informa a Porto Editora.  

Ainda segundo Maria Bochicchio, já está também escolhido o próximo autor do mês da Lello, que será a poetisa e ensaísta Ana Luísa Amaral.