Simulador de pensões estará disponível até Maio

Vieira da Silva garante que a aplicação permitirá ao trabalhador saber quando se pode reformar e o valor da pensão a que terá direito.

Simulador permitiráao trabalhador tomar as decisões de forma mais informada
Foto
Simulador permitiráao trabalhador tomar as decisões de forma mais informada Guilherme Marques

Até ao mês de Maio a Segurança Social vai disponibilizar um simulador online que permitirá aos trabalhadores saber quando é que se podem reformar, o valor da pensão que vão receber e as penalizações que terão se optarem por reformar-se antecipadamente. A data foi avançada pelo ministro do Trabalho e da Segurança Social, Vieira da Silva, nesta quarta-feira, à margem da apresentação do estudo sobre o sector dos serviços e os desafios da Segurança Social, elaborado pelo economista Armindo Silva para a Confederação do Comércio e Serviços de Portugal.

O simulador está ainda em fase de testes e permitirá recuperar toda a informação relativa à carreira e aos descontos do trabalhador e será tanto mais realista quanto mais próximo se estiver da idade da reforma.

“Vai ser mais fiável para quem está perto da idade da reforma, do que para um jovem, porque as pensões dependem do tempo de trabalho e do salário recebido”, afirmou o ministro, acrescentando que se trata de um “instrumento essencial para que se reforce a confiança e a previsibilidade do sistema de pensões”.

Em 2016, o Governo já tinha anunciado que pretendia criar uma ferramenta que permitisse aos cidadãos saber com rigor o valor da reforma a que teriam direito no futuro. Mas avisava que iria demorar tempo e que só estaria disponível no final de 2018.

Este simulador irá substituir o que já existe e que permite ao cidadão obter um valor simulado de pensão com base nos dados disponíveis no sistema ou hipotéticos, por ele introduzidos. O modelo disponível não contempla situações especiais de cálculo da pensão, aplicando a regra geral. 

Sugerir correcção