Richie Porte e Bauke Molema na Volta ao Algarve

A prova algarvia continua a atrair alguns dos melhores ciclistas da actualidade.

A Volta ao Algarve vai ter um pelotão recheado
Foto
A Volta ao Algarve vai ter um pelotão recheado LUSA/DAVID MARIUZ

O australiano Richie Porte e o norte-americano Tejay van Garderen, da BMC, e o holandês Bauke Molema e o português Ruben Guerreiro, ambos da Trek-Segafredo, vão disputar a Volta ao Algarve em bicicleta, anunciou nesta quarta-feira a organização.

Vencedor da Volta ao Algarve em 2012, Richie Porte apresenta-se na prova portuguesa, de 14 a 18 de Fevereiro, depois de ter concluído o Tour Down Under no segundo lugar da geral, com o mesmo tempo do vencedor, o sul-africano Daryl Impey, além de ter vencido a etapa rainha.

Na 44.ª edição da prova, terá a companhia do norte-americano Tejay van Garderen, corredor que terminou a "algarvia" por três vezes entre os 10 primeiros, com destaque para o segundo posto em 2011.

A equipa contará ainda com o belga Dylan Teuns, vencedor em 2017 da Volta à Polónia, da Volta à Noruega e da Volta à Valónia, o australiano Simon Gerrans, candidato a disputar etapas ao sprint, e o contra-relogista suíço Stephen Kung.

A Trek-Segafredo surge com Ruben Guerreiro, campeão nacional e nono no Tour Down Under, e o holandês Bauke Mollema, que se prepara para liderar a equipa na próxima Volta à França. Entre os seus homens mais rápidos, realce para o alemão John Degenkolb.