Vídeo

Dentro da Harvard dos Pais Natal

“Estes Pais Natal são todos crianças, no coração”, começa por dizer Tom Valent, o reitor da escola mais antiga no mundo para quem quer ser Pai Natal ou Mãe Natal, no Michigan, Estados Unidos da América. A Charles W. Howard, “a Harvard das escolas para Pai Natal”, foi fundada em 1937 e "começou com dois ou três estudantes". Em 2017, com 80 anos, a organização sem fins-lucrativos teve 214 inscrições, vindas de quase todos os estados norte-americanos, e ainda do Canadá, Dinamarca, Noruega e Alemanha. “Perguntem-lhes porque querem ser Pais Natal e a maior parte vai dizer-vos que é porque gostaram de ser crianças. E querem reviver esses tempos”, diz o reitor que gere a escola com a mulher, Holly — sim, é este o nome verdadeiro.

 

O curso dura três dias e custa cerca de 500 euros. Na escola aprendem a rotina e todos os deveres do Pai Natal: cuidar da barba, construir brinquedos na oficina, andar no Polar Express, fazer os gestos correctos, conduzir o trenó, dançar e rir-se com o “ho ho ho” perfeito. “É importante aprenderem tudo isto porque a criança vai lembrar-se desta visita para sempre”, continua o responsável, no vídeo do canal A Great Big Story. “Quando dás alegria recebe-la de volta em dose dupla.” Só fica a faltar descobrir qual dos alunos deste ano é o verdadeiro Pai Natal. Alguma pista?