Big Little Lies, a série das actrizes de Hollywood na TV, vai ter segunda temporada

Premiada com oito Emmys e protagonizada por Nicole Kidman e Reese Witherspoon, a série será agora realizada por Andrea Arnold e manterá David E. Kelley como argumentista.

Fotogaleria
HBO
Fotogaleria
Fotogaleria

Num ano em que as séries protagonizadas por mulheres e com histórias de mulheres ao centro foram as mais premiadas, a notícia de que Big Little Lies vai ter uma segunda temporada é apenas a confirmação de meses de expectativa. A minisérie de luxo da HBO com Nicole Kidman, Reese Witherspoon, Laura Dern e Shailene Woodley vai agora ser entregue a uma realizadora.

A história passada na pequena e privilegiada comunidade à beira-mar povoada de mães e segredos foi uma das distinguidas nos Emmys deste ano, considerada a Melhor Minisérie, com a Melhor Actriz (Nicole Kidman) e os melhores actores secundários (Alexander Skarsgaard e Laura Dern). Baseada num livro de Liane Moriarty, previa-se que se ficasse por uma única temporada dado que a narrativa da obra foi integralmente cumprida nos primeiros sete episódios. Agora, confirmou a HBO, as actrizes voltarão para mais sete episódios.

Estes serão novamente escritos por David E. Kelley (Ally McBeal, Boston Legal) mas desta feita realizados por Andrea Arnold, vencedora de um Óscar de Melhor Curta Metragem em 2003 (Wasp) e realizadora de vários episódios das séries Transparent e I Love Dick mas também da longa American Honey - uma das sensações do Festival de Sundance de 2016 e nomeada para melhor filme no Lisbon & Estoril Film Festival. Arnold substitui Jean-Marc Vallée (O Clube de Dallas). A base será um conto de Moriarty, escrevem a Variety e a Hollywood Reporter.

“Isto é inspirado pela reacção avassaladora dos públicos de todo o mundo”, diz Nicole Kidman num comunicado – a actriz, tal como Witherspoon, é também produtora executiva na série. “Dá-nos a oportunidade de mergulhar mais fundo nas vidas destas famílias intrigantes e intricadas de Monterey e dar mais das suas histórias ao público que as acolheu e defendeu”, diz por seu turno Reese Witherspoon.   

As revistas da especialidade indicam que a maior parte do elenco deve voltar para a segunda tranche de episódios, com as negociações em curso nesse sentido. Dos 16 Emmys para que esteve nomeada, a série recebeu oito e esta semana foi incluída na lista das 10 melhores do ano para o American Film Institute, fazendo parte dos tops de várias publicações como a Time ou a revista New York.