NBC despede Matt Lauer após denúncia de assédio sexual

O jornalista trabalhava no canal há mais de duas décadas. Empresa acredita que não se trata de um caso isolado.

O apresentador de 59 anos era a cara do <i>Today</i> desde 1997
Foto
O apresentador de 59 anos era a cara do Today desde 1997 Reuters/LUCAS JACKSON

O canal norte-americano NBC despediu o jornalista e apresentador dos programas da manhã Matt Lauer, na sequência de denúncias de assédio sexual no local de trabalho, informou o presidente da rede de televisão num comunicado enviado esta quarta-feira aos funcionários.

“Na noite de segunda-feira, recebemos uma queixa pormenorizada de uma colega sobre o comportamento sexual inapropriado de Matt Lauer no local de trabalho”, escreveu Andrew Lack, presidente da NBC News. A nota foi lida por duas colegas de Lauer no programa Today, justificando a ausência do apresentador.

As acusações sobre o comportamento do jornalista de 59 anos foram analisadas pela administração do canal que concluiu, “após uma revisão séria, que se trata de uma clara violação dos princípios da empresa”. “Como resultado, decidimos rescindir o seu contrato”, disse o presidente da NBC News. “Apesar de esta ser a primeira queixa contra o seu comportamento nos 20 anos em que esteve na NBC News, temos razões para crer que poderá não ter sido um incidente isolado", acrescentou.

“A nossa maior prioridade é criar um ambiente de trabalho onde todos se sentem seguros e protegidos e garantir que todas as acções que ataquem os nossos valores recebem consequências, independentemente de quem as conduz”, leu a jornalista Savannah Guthrie, sublinhando que só soube da situação minutos antes de entrar no ar.

“Estamos devastados. Estou de coração partido pelo Matt. Ele é o meu querido colega e o meu parceiro e é amado por muitas e muitas pessoas", disse Guthrie, para logo acrescentar que estava "também de coração partido pela colega corajosa que se chegou à frente e contou a história, e por todas as mulheres que têm histórias para contar”. A jornalista garantiu ainda que o assunto ia continuar a ser acompanhado pelo canal.

O despedimento já foi comentado pelo Presidente norte-americano, Donald Trump, que aproveitou para criticar a comunicação social, apesar de a onda de denúncias de assédio sexual ser transversal a vários sectores. "Uau, Matt Lauer acabou de ser despedido da NBC. Mas quando irão os executivos ser despedidos por darem tantas notícias falsas. Vejam o passado de Andy Lack!".