Morreu Malcolm Young, um dos fundadores dos AC/DC

O guitarrista tinha 64 anos. A doença já o tinha afastado dos palcos. Fez parte do grupo até 2014.

Foto
Malcolm Young, numa fotografia antiga, partilhada neste sábado pela banda DR

O músico Malcolm Young, co-fundador de uma das mais conhecidas bandas rock em actividade, os AC/DC, morreu neste sábado, segundo um comunicado emitido pela própria banda australiana. Guitarrista, vocalista e compositor, estava afastado dos palcos desde 2014, altura em que se confirmou que sofria de demência e de outros problemas de saúde.

O anúncio da morte do músico, irmão do líder e fundador da banda Angus Young foi publicado na página oficial dos AC/DC no Facebook. "É com profunda tristeza que anunciamos que Malcom Young partiu. Era, com Angus, um dos fundadores e criadores dos AC/DC. A sua enorme dedicação e empenho fizeram dele a força motriz da banda. Como guitarrista e compositor, era um visionário, um perfeccionista e um homem único", lê-se no texto que acompanha uma fotografia de Malcolm, salientando que se manteve sempre igual a si próprio, fazendo aquilo que queria. "Orgulhava-se do que conseguiu. A sua lealdade aos fãs era inabalável."

Num texto não assinado mas que terá sido redigido pelo irmão, Angus, lê-se: "Como irmão dele, é difícil traduzir em palavras o que ele significava para mim, na minha vida, a ligação que tínhamos era única e muito especial. Deixa um enorme legado que viverá para sempre. Malcom, bom trabalho."

Em 1963 a família de Malcolm e Angus Young mudou-se da Escócia para Sidney, na Austrália, onde os irmãos formaram os AC/DC. Dez anos depois, em 1973, deram o primeiro concerto, acabando por transformar-se com o decorrer dos anos numa das bandas rock de maior sucesso da história graças a sucessos como Highway to hell, Back in black ou You Shook Me All Night Long e a álbuns icónicos como High Voltage (1976) ou Back In Black (1980).

Recorde-se que em Outubro deste ano havia morrido George Young, o irmão mais velho dos dois fundadores dos AC/DC e que foi também um dos mentores e produtores do grupo. Morreu aos 70 anos. No espaço de poucas semanas desaparecem duas das figuras que estiveram por detrás do sucesso do grupo. O ano passado os AC/DC, liderados por Angus, tocaram no Passeio Marítimo de Algés para um multidão, num concerto marcado pelo facto de na voz estar Axl Rose dos Guns N'Roses.