Paraquedista internado após marcha em Tancos

Militar desfaleceu numa marcha de 30 quilómetros.

Foto
O militar internado é soldado paraquedista

Um militar do Regimento de Paraquedistas (Tancos) desfaleceu, nesta quinta-feira, durante uma marcha de 30 quilómetros, tendo sido evacuado para o Centro Hospital Médio Tejo, encontrando-se nos cuidados intensivos sob monitorização contínua, informou o Exército em comunicado.

Em declarações ao PÚBLICO, o porta-voz do Exército, Vicente Pereira, indicou que ainda são desconhecidas as causas do incidente. O Chefe de Estado-Maior do Exército já ordenou a abertura de um inquérito.

O militar desfaleceu às 12h15, quando já tinha percorrido 28 dos 30 quilómetros da prova. Vicente Pereira especificou que esta era a última de várias provas realizadas nos últimos três dias pelos candidatos ao curso de auxiliar precursor, grupo de que faz parte o militar que se encontra internado. Todos os candidatos são já soldados paraquedistas, acrescentou.

No comunicado divulgado nesta quinta-feira, o Exército refere que já contactou os familiares do militar, “disponibilizando todo o apoio necessário”.