Harry Dean Stanton homenageado nos ecrãs do Monumental e do Rivoli

O actor que morreu a 15 de Setembro aos 91 anos é o mote para a exibição de A Estrada Não Tem Fim, de Monte Hellman, e Uma História Simples, de David Lynch a 3 e 10 de Outubro em Lisboa e Porto, respectivamente.

Foto
A homenagem, com A Estrada Não Tem Fim e Uma História Simples, sublinha o poder de Stanton como um dos actores secundários mais notáveis de Hollywood

Quando Harry Dean Stanton, o respeitado actor norte-americano, morreu aos 91 anos a 15 de Setembro, a maioria das pessoas lembrou-se do seu assombroso papel em Paris, Texas. Mas a carreira de Stanton, que arrancou na segunda metade da década de 1950 e continuou até este ano, não se cingiu ao filme que Wim Wenders assinou em 1984. Para homenagear o actor, a Medeia Filmes vai exibir no Cinema Medeia Monumental, em Lisboa, e no Teatro Municipal Rivoli, no Porto, A Estrada Não Tem Fim e Uma História Simples, em que ele não é sequer o protagonista, a sublinhar o seu poder como um dos actores secundários mais notáveis de Hollywood. As sessões são, respectivamente, nos dias 3 e 10 de Outubro, ambos terças-feiras. Os filmes vão ser exibidos em película, com cópias de 35mm, ao contrário do restauro digital de Paris, Texas que passou no Espaço Nimas no início do ano.

A Estrada Não Tem Fim, tradução portuguesa para Two-Lane Blacktop, é um road movie ao longo da Route 66 com o cantor/compositor James Taylor e Dennis Wilson, o baterista dos Beach Boys que teve uma interessante carreira a solo, bem como Warren Oates, o actor da predilecção de Sam Peckinpah, e a amaldiçoada Laurie Bird, um clássico de culto de 1971 assinado por Monte Hellman. Foi uma das inspirações para Baby Driver, o filme deste ano de Edgar Wright. Stanton faz o papel de um homem que pede boleia.

Uma História Simples (The Straight Story), o filme de 1999 de David Lynch, é uma das obras mais lineares e aparentemente “normais” do realizador que usou Stanton também em Um Coração Selvagem, Twin Peaks, tanto o filme que continuou a série em 1992 quanto no regresso deste ano, Inland Empire e na minissérie Hotel Room - também produziu Lucky, o filme de despedida do actor. Conta a história verídica de Alvin Straight, um septuagenário que atravessou a América de corta-relvas para visitar Lyle, o irmão que teve um enfarte e com quem não se dava muito bem. Esse irmão? É Stanton.

A sessão de Lisboa começa às 19h30, com o primeiro filme, continuando com o seguinte às 21h45. Os bilhetes para cada filme custam 5euros. Já no Rivoli, o primeiro filme é exibido às 18h30 e o segundo às 22h, com bilhetes a 3 euros. Rodrigo Nogueira