Aborto

El Salvador: onde uma mulher é condenada por dar à luz um nado-morto

Uma jovem de 19 anos foi condenada a 30 anos de prisão por não procurar cuidados pré-natais. O tribunal declarou-a culpada de homicídio agravado.