Finalistas do Prémio Novos Artistas no MAAT

A exposição será visitada por um júri internacional que escolherá o artista vencedor, a quem será atribuído o prémio de 20 mil euros, valor que deverá ser aplicado na construção de um projecto artístico.

Fotogaleria
Montagem da exposição exposição com os seis finalistas que concorrem à 12.ª edição do Prémio Novos Artistas Fundação EDP dr/Leonor Carrilho
Fotogaleria
João Gabriel dr/Leonor Carrilho
Fotogaleria
Claire de Santa Coloma dr/Leonor Carrilho
Fotogaleria
Bernardo Correia dr/Leonor Carrilho
Fotogaleria
Igor Jesus dr/Leonor Carrilho
Fotogaleria
Ana Cardoso dr/Leonor Carrilho

Vinte e duas telas de formatos diversos que formam um grande puzzle para dispormos nas paredes como quisermos feitas por Ana Cardoso. Outra série de pinturas que partiu de vídeos pornográficos, desta vez pensada por João Gabriel, que é também uma reflexão de como a disciplina se constrói através de imagens pré-existentes. Uma instalação sonora e cinética de Ana Guedes. Uma performance que acontece sem horário definido em cima de dois plintos monumentais numa instalação de Igor Jesus que quer também ser um momento cinematográfico. Outra grande obra, desta vez de escultura, composta por 22 peças, saída das mãos de Claire de Santa Coloma. E por último uma instalação, composta por desenhos projectados e por peças de cerâmica, da autoria de Bernardo Correia.

Estas obras inéditas fazem parte da exposição com os seis finalistas que concorrem à 12.ª edição do Prémio Novos Artistas Fundação EDP, atribuído de dois em dois anos e dedicado a artistas emergentes, e que abrirá também esta quarta-feira ao público no Museu de Arte, Arquitectura e Tecnologia (MAAT).

Os seis artistas foram escolhidos entre 600 candidatos pelos curadores Ana Anacleto, coordenadora curatorial no MAAT, Filipa Oliveira, directora artística do Fórum Eugénio de Almeida de Évora, e João Silvério, responsável pelo projecto Empty Cube. Os três são também curadores desta exposição que agora será visitada por um júri internacional que escolherá o artista vencedor, a quem será atribuído o prémio de 20 mil euros, valor que deverá ser aplicado na construção de um projecto artístico. 

O Prémio Novos Artistas foi criado em 2000 e já foi atribuído nas edições anteriores a artistas como Joana Vasconcelos, Vasco Araújo, João Maria Gusmão, Pedro Paiva, Carlos Bunga, André Romão, João Leonardo, Leonor Antunes, Gabriel Abrantes, Priscila Fernandes e Mariana Silva, que venceu na última edição. A exposição ficará até Outubro.