Comissão Europeia

Extensão do plano Juncker aprovada pelo Parlamento Europeu

Com 65 votos a favor, 11 contra e 2 abstenções, as Comissões dos Orçamentos e dos Assuntos Económicos e Monetários aprovaram a extensão do Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos, mais conhecido por Plano Juncker, até 2020 e o reforço da mobilização da garantia para 500 mil milhões de euros.
Foto
Jose Manuel Fernandes é eurodeputado do PPE. xx direitos reservados

Quando foi lançado, o programa previa um investimento de 315 mil milhões de euros e uma duração de apenas três anos, a terminar em 2018. A proposta de extensão teve como um dos relatores o deputado português, José Manuel Fernandes, que integra o grupo do PPE.

Atingiu o seu limite de artigos gratuitos

De acordo com o balanço feito pelo eurodeputado,  já foram mobilizados até agora cerca de 180 mil milhões de euros em investimentos relacionados com este fundo e mais de 400 mil pequenas e médias empresas (PME) já foram afectadas. Portugal já beneficiou de 1200 milhões de euros em financiamento, que vai gerar 3800 milhões de euros em investimento. O Fundo já apoiou mais de 1300 empresas portuguesas.

"Agora dá-se início a uma nova fase, negociação dos trílogos, entre o Parlamento Europeu, a Comissão Europeia e o Conselho Europeu, hoje anunciada em Sessão Plenária, onde defenderei as propostas que aprovámos", anunciou o eurodeputado na sua página.