Uma em cada cinco crianças com menos de oito anos tem telemóvel

A televisão ainda reina, mas os tablets chegam a mais famílias com filhos e quase ultrapassam os computadores portáteis.

Cerca de 18% das crianças entre os três e os oito anos têm um telemóvel para uso pessoal
Foto
Cerca de 18% das crianças entre os três e os oito anos têm um telemóvel para uso pessoal Maria João Gala

O controlo pelos pais do uso que os filhos fazem dos meios tecnológicos é mais facilitado no caso da televisão, de acordo com o estudo realizado pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC). O documento em causa, intitulado Crescendo entre Ecrãs. Usos de Meios Electrónicos por Crianças junta um inquérito a um trabalho feito com 20 famílias com crianças entre os três e os oito anos que acedem à Internet.

O estudo, que teve o contributo científico de uma equipa de investigadores da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, coordenada pela socióloga Cristina Ponte, conclui que o tablet é usado pelas crianças com ou sem a tutela dos pais e que 63% das crianças têm um tablet pessoal. Além disso, 18% das crianças destas idades têm um telemóvel para uso pessoal. Metade destes telefones são smartphones com acesso à Internet e 38% das crianças acedem à Internet.

Televisores, computadores, tablets e telemóveis ajudam os pais a entreter os filhos e são vistos como instrumentos apaziguadores enquanto os adultos estão ocupados com diversas tarefas, refere ainda o estudo que realça como principal conclusão o facto de os nativos digitais preferirem conteúdos televisivos. As consolas de jogos, DVD e computadores portáteis também fazem parte das rotinas das crianças, embora com menos frequência.

Em 99% dos lares há pelo menos um televisor e em 92% dos casos existe um telemóvel. Os tablets já estão presentes em 68% dos lares, quase alcançando os computadores portáteis que existem em 70% das famílias na amostra do inquérito. Mas nestes casos, as crianças são, mais frequentemente, deixadas sozinhas.

As conclusões do estudo, resumidas num comunciado da ERC enviado às redacções, indicam que 94% das crianças vêem televisão todos os dias, incluindo programas para adultos, na companhia dos pais.

Na maioria, mas não na totalidade dos casos, os adultos acompanham as crianças quando estas vêem desenhos animados ou programas infantis. Em média por dia, as crianças destas idades estão 1h41 minutos à frente do televisor.