Novo filme de Terrence Malick com estrelas da música e do cinema

O mundo da música, e a cena musical de Austin, dão o contexto ao novo filme do realizador que conta com Patti Smith, Iggy Pop ou Red Hot Chili Peppers.

Foto

O realizador americano Terrence Malick, que esteve longos hiatos sem filmar, não tem parado nos últimos anos. Esta quarta-feira ficou a saber-se, através da publicação digital Indiewire, que a 17 de Março será dada a conhecer Song To Song, a sua nova longa-metragem.

O filme passa-se na cidade texana de Austin, conhecida pela cena musical e por hospedar festivais como o cada vez mais badalado South By Southwest, o Fun Fun Fun ou o Austin City Limits. Não espanta por isso que no novo filme, ao lado de actores consagrados como Rooney Mara, Michael Fassbender, Natalie Portman, Christian Bale ou Ryan Gosling, surjam uma série de nomes bem conhecidos ligados à música, que terão participações especiais, como Red Hot Chili Peppers, Patti Smith, Iggy Pop, Florence Welch, Iron & Wine, Arcade Fire, Fleet Foxes, Black Lips ou Lykke Li.  

A acção do filme está centrada na vida de dois casais: os músicos interpretados por Rooney Mara e Ryan Gosling e um empresário e uma empregada de café (Michael Fassbender e Natalie Portman). O cineasta foi trabalhando ao longo dos últimos anos na obra, tendo as filmagens ocorrido em vários concertos que aconteceram em festivais de Austin.

Em 2012, por exemplo, a actriz Rooney Mara tocou guitarra durante uma actuação dos Black Lips no Austin City Limits, enquanto Christian Bale se entregou à percussão ao lado dos Fleet Foxes. Os Arcade Fire e os Iron & Wire também foram filmados ao vivo, embora não se saiba ainda quais as imagens captadas nesses concertos que entrarão na versão final do filme. Nessa mesma altura, o actor Val Kilmer também foi filmado num concerto dos Black Lips, numa cena imortalizada por um vídeo amador de um espectador – e que se pode ver em baixo.

O realizador Terrence Malick assinou obras como A Barreira Invisível (1998), O Novo Mundo (2005), A Árvore da Vida (2011) ou Cavaleiro de Copas (2015). A sua obra mais recente é o filme-documentário Voyage Of Time, apresentado na última edição do Festival de Veneza.