ERT e i2S ganham prémio inovação da COTEC

As duas empresas ficaram, ex aequo, em primeiro lugar.

Foto
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, destacou a “resiliência do tecido empresarial português, Miguel manso

A ERT, empresa de São João da Madeira ligada aos têxteis técnicos, e a i2S, ligada ao desenvolvimento de software e serviços no sector dos seguros, ganharam esta terça-feira, ex aequo, o prémio PME Inovação, da COTEC-BPI. A iniciativa, que conta com o apoio do PÚBLICO, distingue anualmente as empresas, da rede de associados desta organização, que mais se destacaram. Já a Têxtil Manuel Gonçalves (TMG) ganhou o prémio produto inovação COTEC-ANI.

Na cerimónia de entrega dos prémios, o presidente da direcção da COTEC, Francisco Lacerda, defendeu que a organização tem sido “incansável” na promoção de sessões de trabalho, encontros e acções específicas com as grandes e pequenas empresas. Já o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, destacou a “resiliência do tecido empresarial português, no seu potencial de inovação”, que reflecte a profunda “revolução silenciosa” que tem ocorrido ao longo dos últimos trinta anos.

Sobre a COTEC, da qual é presidente honorário, o chefe de Estado, citado pela Lusa, felicitou o actual presidente e responsáveis, mas sobretudo "aqueles que tiveram a ideia da COTEC e lhe deram o seu alto patrocínio durante anos", que foram seus antecessores em Belém Jorge Sampaio e Cavaco Silva.