Livro Dança, editado pela Pato Lógico, vai receber o prémio deste ano DR
Foto
Livro Dança, editado pela Pato Lógico, vai receber o prémio deste ano DR

Ilustração: o “nobel” da literatura infantil vai estar no Folio

Prémio Nacional de Ilustração será entregue a João Fazenda, pelo conjunto das ilustrações do livro "Dança", no Festival Literário Internacional de Óbidos

Jutta Bauer, ilustradora alemã vencedora do Prémio Hans Christian junta-se, em Setembro, ao colectivo de ilustradores da PIM — Mostra de Ilustração para Imaginar o Mundo, patente no Folio — Festival Literário Internacional de Óbidos. A ilustradora que, além do Prémio Hans Christian Andersen (2010), considerado o "Nobel da Literatura Infantil", conta no currículo com outros prémios como o German Youth Literature Prize (prémio alemão de literatura juvenil 2001) é já uma das presenças confirmadas no Folio Ilustra, capítulo do festival dedicado à ilustração e à literatura infantil e juvenil.

Com um trabalho que revolucionou a literatura para a infância, Jutta Bauer é uma das ilustradoras mais traduzidas e premiadas, e estará em Óbidos, para uma sessão do programa, no dia 24 de Setembro, sábado, pelas 16 horas.

A par da presença da ilustradora, que assina obras como "Selma", "O Anjo da Guarda do Avô" e "Rainha das Cores", da programação do Folio Ilustra destaca-se, nesse mesmo dia, a inauguração da PIM — Mostra de Ilustração Para Imaginar o Mundo, que, segundo a curadora Mafalda Milhões, "promete mostrar um olhar arrojado sobre a Utopia", tema da segunda edição do Festival Literário Internacional de Óbidos.

"Vai ser uma exposição completamente inovadora e, sem revelar as muitas surpresas, posso antecipar que as paredes não serão o único veículo expositivo", antecipa a curadora do Ilustra. A mostra, que ocupará o espaço da Galeria Ogiva, em Óbidos, vai contar com obras da artista plástica Fernanda Fragateiro e de ilustradores de renome como André Neves, Helena Sália, Ana Seixas, Marta Torrão, Rachel Caiano, Paulo Galindro, Bernardo Carvalho, Yara Kono, Teresa Cortêz, Marina Palácio, Margarida Botelho, Paul Hardman e João Fazenda, vencedor do Prémio Nacional de Ilustração 2015. O Folio assinalará os 20 anos do prémio que este ano será, durante o festival, entregue a João Fazenda, pelo conjunto das ilustrações do livro "Dança", editado pela Pato Lógico.

Na ocasião serão também distinguidos, com duas Menções Especiais, Bernardo P. Carvalho, pelo livro "Verdade?!", e Yara Kono, pelas ilustrações de "Gato procura-se". Criado em 1996, o Prémio Nacional de Ilustração (PNI) é atribuído pela Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, com o objectivo de promover o reconhecimento da ilustração original e de qualidade nos livros para crianças e jovens, distinguindo um conjunto de ilustrações originais publicadas numa obra editada no ano anterior.

O valor do Prémio é de 5000 euros, acrescido de uma comparticipação de 1500 euros para apoio à deslocação à Feira Internacional do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha. As Menções Especiais, no valor de 1500 euros cada, são destinadas a comparticipar duas deslocações àquela feira internacional. O Folio ilustra é um dos capítulos Festival Literário Internacional que decorrerá na vila de Óbidos, de 22 de Setembro a 2 de Outubro deste ano. Na segunda edição, o festival adopta o tema "Utopia", celebrando os 500 anos da publicação de "Utopia2 de Thomas More, o Ano Internacional do Entendimento Global, o centenário do nascimento de Vergílio Ferreira e assinalando igualmente os 500 anos da morte do pintor Hieronymus Bosch e os 400 da morte de William Shakespeare e Miguel de Cervantes.