MNE tem mantido Presidente ao corrente do caso da agressão em Ponte de Sor

Foto
Marcelo Rebelo de Sousa Miguel Manso

Apesar de estar de férias, o Presidente da República está a acompanhar de perto o caso de Ponte de Sor. O PÚBLICO sabe que o ministro dos Negócios Estrangeiros tem mantido Marcelo Rebelo de Sousa ao corrente de tudo o que está em curso nesta matéria. Já na quinta-feira, o chefe de Estado emitiu uma nota onde se mostra “preocupado e chocado” com os acontecimentos e manifestou votos de que o jovem de 15 anos “possa recuperar dos seus graves ferimentos”.

Através da sua Casa Civil, Marcelo contactou o  Hospital de Santa Maria, para se inteirar do estado de saúde do jovem, espancado em Ponte de Sor na madrugada desse dia, alegadamente pelos dois filhos gémeos do embaixador do Iraque. Mas este facto nunca é referido na nota presidencial.

Note-se que compete ao Presidente da República, em matéria de relações internacionais, acreditar os embaixadores colocados em Portugal. Os dois supostos agressores, de 17 anos, possuem passaporte diplomático e, como tal, imunidade diplomática.