#PrayForPortugal. A Internet solidariza-se com um país em chamas

Hashtag liderava esta manhã a lista de assuntos mais comentados no Twitter.

O incêndio que lavra desde segunda-feira no Funchal atingiu ontem o centro histórico da cidade
Foto
O incêndio que lavra desde segunda-feira no Funchal atingiu ontem o centro histórico da cidade AFP/HELDER SANTOS

A onda de incêndios que alastram por estes dias por todo o território nacional e que deixaram um lastro de destruição também na Madeira não deixou indiferentes os internautas portugueses e de inúmeras partes do mundo. A hashtag #PrayForPortugal era na manhã desta quarta-feira o tópico mais comentado no Twitter e também no Facebook são milhares as pessoas que se solidarizam com um país devastado pelas chamas.

Esta hashtag foi criada nos últimos dias como “corrente de oração” e de apoio a toda a população afectada e aos bombeiros que estão a arriscar as suas vidas, mas ganhou protagonismo nas últimas horas devido sobretudo ao incêndio no Funchal.

Com diversos comentários de utilizadores a felicitarem o incansável trabalho dos bombeiros e das populações, #PrayForPortugal era na manhã desta quarta-feira um dos temas mais falados no Twitter, a par de outros que se relacionam directamente com os incêndios como #Madeira, #Funchal ou #Bombeiros.

Muitos dos comentários são de espanto, tristeza e esperança para que o cenário vivido na Madeira, que já causou três vítimas mortais e centenas de desalojados, melhore. E a maioria são de utilizadores portugueses, que desta forma procuram chamar a atenção do mundo para uma realidade trágica num momento em que as atenções estão focadas nos Jogos Olímpicos do Rio.

Existem ainda utilizadores a louvar a ajuda de Timor-Leste ao país, com uma ajuda monetária de dois milhões de euros destinados a apoiar as autoridades portuguesas no combate aos incêndios e ao socorro das populações afectadas.

No Twitter e no Facebook há também quem manifeste incredulidade e se pergunte: onde está, por exemplo, a ajuda da União Europeia a Portugal?

Quem acompanha as notícias pelas redes sociais pergunta pela cobertura dos media estrangeiros. 

Também a aplicação de música Spotify criou uma playlist solidária, com a mesma hashtag. "Um pouco de esperança para a população da ilha da Madeira" é o que se pode ler na descrição da lista de músicas seleccionadas, que inclui músicas como a lendária Imagine do John Lennon, You Are Not Alone dos Eagles, Better Days dos The Goo Goo Dolls ou a famosa Over the Rainbow. com Liliana Borges