Morreu Artur Correia, antigo jogador do Benfica e do Sporting

Tinha 66 anos e há muito tempo que estava doente.

Artur Correia fotografado em 2004
Foto
Artur Correia fotografado em 2004 Fernando Morgado

Ficou conhecido como o “Ruço” pelos cabelos loiros. Artur Correia, antigo lateral-direito do Benfica e do Sporting, morreu esta segunda-feira, aos 66 anos, no hospital Pulido Valente em Lisboa, avança a RTP. A velha glória, que também jogou na selecção nacional, estava em coma há uma semana na sequência de um acidente vascular cerebral, e há muito que enfrentava graves problemas de saúde. 

Formado no Futebol Benfica (popularmente conhecido por Fofó), o jogador iniciou a carreira sénior na Académica de Coimbra, tentando conciliar a prática desportiva com uma licenciatura em Medicina que acabaria por deixar a meio. Depois de optar pelo futebol e passar pelos dois grandes de Lisboa, Artur Correira faria ainda uma breve incursão pela antiga liga norte-americana NASL, alinhando pelos entretanto extintos New England Tea Men. 

O jogador teria a carreira seriamente prejudicada por vários problemas de saúde. Na época de 1976/77, a última a alinhar pelos encarnados, Artur Correia esteve vários meses afastado da competição devido a uma inflamação do sistema respiratório. Em 1980, com apenas 30 anos, o atleta sofreu um acidente vascular cerebral que ditaria o abandono precoce do futebol. Na altura somava seis títulos nacionais: cinco pelo Benfica e um pelo Sporting. No ano seguinte, o futebolista foi homenageado pelos dois clubes com um derby lisboeta que terminou empatado 1-1.

Depois do fim prematuro da carreira futebolística, e de acordo com o perfil do Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol, Artur Correia treinou o Sesimbra e o CDUL (Centro Desportivo Universitário de Lisboa) e trabalhou no departamento de desporto da Câmara Municipal de Lisboa.