Quem é Susana Torres, a mental coach de Éder?

Deixou a carreira na banca para se tornar mentora desportiva de alta performance. A mudança deveu-se a Éder e ele dedicou-lhe o golo da vitória.

Éder garantiu que nunca duvidou do seu valor
Foto
Éder garantiu que nunca duvidou do seu valor Kai Pfaffenbach/Reuters

Alvo de críticas e gerador de discórdia desde o momento em que foi convocado, Éder, o “herói improvável” que deu a Portugal o título de campeão europeu, fez questão de agradecer e dedicar o golo da vitória à sua mental coach, Susana Torres.

Durante todo o campeonato – e até mesmo antes deste começar, foi raro o português que não comentou com cepticismo a contribuição do camisola número 9 da selecção. Por isso, não é surpreendente que na hora dos agradecimentos, e depois de sublinhar a fé do capitão na sua entrada em jogo, Éder se tenha dirigido à sua “treinadora mental”.

Com um percurso e carreira sólidos na área da banca, Susana Torres especializou-se na área desportiva “por acaso”, conta em entrevista ao site Miracle Coach.

“Tudo aconteceu por acaso e com um jogador de futebol. Este jogador, que na altura colocava em causa a sua carreira desportiva, comentou comigo o seu sonho de criança e acabámos por lançar um desafio um ao outro: ele transformava o seu sonho num objectivo a seis meses, e eu dar-lhe-ia todas as ferramentas que possuía para o ajudar a conquistar esse objectivo”, explica Susana Torres, referindo-se a Éder . “Foram seis meses de trabalho intensivo e no fim o jogador rumou a uma das ligas mais exigentes do mundo”, detalha Susana Torres, sobre a ida de Éder para o Swansea em 2015 – o jogador foi entretanto emprestado ao Lille.

Para a mental coach, que depois de apostar numa carreira ligada à banca investiu na formação na área de desenvolvimento pessoal, o sucesso está na estipulação de objectivos e sublinha a importância de saber gerir a adversidade, frustração, desmotivação e ausência de resultados como factores tão importantes quanto as qualidades técnicas ou tácticas.

Sem dizer nomes, Susana conta na mesma entrevista que trabalha “com um atleta” que um dia lhe disse: “As pessoas podem desistir de mim, mas há uma que eu sei que nunca vai desistir… Eu próprio”.

Para além de trabalhar com jogadores, a treinadora e motivadora de alta performance colabora também com treinadores e equipas.

Nas suas escassas publicações no Twitter (tem menos de duas dezenas), a mentora de Éder partilhou fotos, citações e a página de Facebook do jogador.