Leonardo DiCaprio recebeu o "seu" Óscar de Melhor Actor

À sexta nomeação, a confirmação que os espectadores mais pareciam aguardar pôs a sala de pé.

Fotogaleria
Adrees Latif/REUTERS
Fotogaleria
Kate Winslet com Leonardo DiCaprio após o final da cerimónia Mario Anzuoni/REUTERS
Fotogaleria
Leonardo DiCaprio em O Renascido DR
Fotogaleria
Com o realizador Iñárritu Mario Anzuoni/REUTERS
Fotogaleria
Leonardo DiCaprio em O Renascido DR
Fotogaleria
Michael Fassbender em Steve Jobs DR
Fotogaleria
Matt Damon em Perdido em Marte DR
Fotogaleria
Eddie Redmayne em A Rapariga Dinamarquesa DR
Fotogaleria
Bryan Cranston em Trumbo DR

O Óscar dado como certo mas que até ao final da noite foi aguardado com expectativa foi finalmente foi entregue ao actor que só à sexta recebeu o prémio: Leonardo DiCaprio já tem um Óscar, atribuído pelo seu papel em O Renascido depois de cinco nomeações em 21 anos. À sexta, foi de vez. "Não tomemos este planeta como garantido, eu não tomo esta noite por garantida", disse no seu discurso de agradecimento, focando o aquecimento global e o respeito pelas populações indígenas.

O prémio para o qual estavam também nomeados Bryan Cranston em Trumbo, Matt Damon em Perdido em Marte, Michael Fassbender em Steve Jobs e Eddie Redmayne em A Rapariga Dinamarquesa foi enfim para DiCaprio, o actor que era adolescente quando foi candidato pela primeira vez, pelo seu papel em Gilbert Grape, em 1994. Se essa foi uma nomeação para a categoria de Actor Secundário, seguir-se-iam outras três, já como actor principal, por O Aviador em 2005, Diamante de Sangue em 2007 e O Lobo de Wall Street em 2014. Em 2005 perdeu para Jamie Foxx, por Ray, em 2007 para Forest Whittaker por O Último Rei da Escócia, e há dois anos Matthew McConaughey ficou com essa estatueta por O Clube de Dallas.

DiCaprio tinha sido escolhido já pela Guilda dos Actores. 

Sugerir correcção