Daniel Bessa demite-se da Cotec, mas nega a existência de problemas financeiros

Ex-director da associação não revela razões que estão na base da sua decisão.

Foto
Daniel Bessa

Daniel Bessa confirmou ao PÚBLICO o pedido de demissão do cargo de director-geral da Cotec, mas escusou-se a adiantar as razões que estiveram na base dessa decisão. Assegurou, unicamente, que não está associada a problemas financeiros da associação, que diz não existirem.

“Não é verdade que a Cotec Portugal se debata com qualquer problema financeiro", declarou ao PÚBLICO Daniel Bessa, garantindo que "a associação dispõe, nesta data, no sistema bancário nacional, em contas à ordem e a prazo, de saldos suficientes para pagar mais de dois anos de funcionamento, nas condições actuais". Além disso, a associação "não tem praticamente passivo" e as contas são públicas.

Sobre as razões que levaram à sua demissão, o antigo ministro da Economia e professor universitário limitou-se a dizer que “são do conhecimento da direcção da Cotec, não tendo sido apresentadas a mais ninguém".

A notícia da demissão do director-geral da Cotec, cargo que ocupava desde Junho de 2009, foi avançada nesta quarta-feira pelo Diário Económico, na sua edição online.

Em comunicado, divulgado ao início da noite desta quarta-feira, a Direção da COTEC Portugal confirmou o pedido de demissão de Daniel Bessa do cargo de director-geral, sem no entanto avançar qualquer razão para a decisão do gestor.

"No âmbito desta decisão, a Direção da COTEC Portugal expressa publicamente o seu agradecimento pela dedicação, capacidade e valiosos contributos que o Professor Daniel Bessa sempre prestou a esta Associação, ao longo dos mais de 6 anos", refere o comunicado.

A Cotec Portugal — Associação Empresarial para a Inovação, sem fins lucrativos, foi constituída em 2003 por iniciativa do então Presidente da República Jorge Sampaio. A concretização do projecto foi possível pela adesão de um conjunto alargado de empresas, com destaque para as mais relevantes. Neste momento, a Cotec tem 366 associados.

O principal objectivo da associação é “promover o aumento da competitividade das empresas localizadas em Portugal, através do desenvolvimento e difusão de uma cultura e de uma prática de inovação, bem como do conhecimento residente no país”.

A Cotec conta com o apoio das instituições do Sistema Nacional de Inovação (SNI) e entre várias iniciativas destacam-se os Prémios Cotec, que distinguem empresas e projectos com forte aposta na inovação.