Fotogaleria
Em 2012, foi considerado o melhor atleta jovem pela Federação de Desportos de Inverno de Portugal Andrea Bugnone/Facebook
Fotogaleria
Andrea Bugnone/Facebook

Andrea Bugnone: o primeiro português a participar nos Jogos Olímpicos da Juventude

Esquiador Andrea Bugnone é o primeiro atleta português a participar nos Jogos Olímpicos da Juventude, que se realizam em Fevereiro na Noruega. Quer ficar nos 25 primeiros em cada corrida

O esquiador Andrea Bugnone, primeiro atleta português a participar nos Jogos Olímpicos da Juventude (JOJ), entre 12 e 21 de Fevereiro, em Lillehammer, vai à Noruega com o objectivo de ficar entre os 25 primeiros classificados.

Andrea Bugnone, de 16 anos, vai competir nas provas de slalom, slalom gigante, slalom sombinado e super-G. "O meu objectivo é ficar nos 25 primeiros em cada corrida", disse hoje o atleta, em declarações à agência Lusa, embora sublinhe estar entre os mais novos participantes da competição e lembre que uma lesão quase o impedia de se conseguir qualificar. O esquiador sublinhou ainda que "os JOJ significam realizar um sonho", mas que ainda temeu não o poder concretizar devido a uma lesão nas costas, que o impediu de treinar até Setembro.

Pensar em medalhas, para já, "é complicado", mas o atleta promete "continuar a treinar até lá para melhorar ao máximo". Também em declarações à Lusa, Pedro Farromba, chefe de missão, não promete medalhas, mas disse esperar que o atleta português se classifique na "metade superior da tabela e possa olhar com expectativa para os lugares acima". "É razoável esperar que o Andrea vá ter uma prestação muito meritória. É um excelente atleta e estamos convencidos de que vai desempenhar o papel de representar Portugal ao mais alto nível", realçou o chefe da Missão Olímpica a Lillehammer.

PÚBLICO -
Foto
Andrea tem 16 anos e é filho de pai italiano e mãe portuguesa Andrea Bugnone/Facebook

Esta vai ser a segunda edição dos JOJ, depois de em Insbruck, na Áustria, não terem participado atletas portugueses. Segundo o também presidente da Federação de Desportos de Inverno de Portugal, a competição é "uma antecâmara" do que vão ser os principais desportistas nos próximos anos das modalidades praticadas na neve. "É expectável que estejam em Lillehammer os próximos representantes nos Jogos Olímpicos de Inverno e nas provas internacionais", salienta Pedro Farromba.

Andrea Bugnone foi o primeiro atleta português a conquistar medalhas em provas internacionais de desportos de Inverno, em 2012, quando ainda competia na categoria de infantes, no Troféu Borrufa, em Andorra. Bugnone nasceu em Genebra, na Suíça, cidade onde vive, é filho de pai italiano e mãe portuguesa, Marta de Mello, e neto do já falecido empresário Jorge de Mello, do grupo José de Mello, detentor dos Hospitais CUF, e do Grupo Nutrinveste.

Foi considerado em 2012 o melhor atleta jovem pela Federação de Desportos de Inverno de Portugal e conta com vários resultados de relevo no seu currículo, como o sétimo lugar em super-G no Europeu de sub-16 em 2014, em Val d'Isère, o 15.º em super-G no Mundial de sub-14, em Topolino, em 2012, o terceiro em super-G e o quinto em slalom nos Campeonatos de França de sub-14, em 2012.