A Tormenta de Filho da Mãe e Ricardo Martins no 2016 do Musicbox

A apresentação do álbum do duo é um dos destaques do próximo ano, em que a sala lisboeta recebe também Black Mountain, Damien Jurado, Hinds, Dengue Dengue Dengue ou Teeth of The Sea.

Foto
Filho da Mãe entrega-se à guitarra eléctrica, Ricardo Martins acompanha com a sua bateria urgente DR

Filho da Mãe, o guitarrista da sensibilidade arrancada a nervo das seis cordas, e Ricardo Martins, o baterista poderoso que ouvimos primeiro nos Lobster, que ouvimos depois nos Papaya, Cangarra ou Adorno. Os dois juntos, primeiro em concertos, agora no disco com edição marcada para o início de 2016. Tormenta, uma edição Revolve com apoio do Musicbox, terá concerto de apresentação dia 19 de Fevereiro no Musicbox e será um dos destaques da programação anunciada pelo clube do Cais do Sodré, em Lisboa, para 2016.

No ano em que comemorará o seu décimo aniversário, o Musicbox escolheu 28 de Março como dia oficial de celebração. A razão é uma: nesse dia chegarão os Black Mountain, banda charneira do psicadelismo recente, estatuto firmado logo à primeira tentativa com a edição em 2005 do homónimo álbum de estreia (os Black Mountain, recorde-se, são também um dos destaques do festival Tremor, que se realiza em Ponta Delgada ente 15 e 19 de Março, e tocarão no Hard Club, no Porto, no dia seguinte à actuação lisboeta).

Antes deles, porém, Filho da Mãe & Ricardo Martins. O autor de Cabeça entregue à guitarra eléctrica para criar paisagens sónicas, instrumentais claro está, que buscam um sentido de melodia e de urgência que a bateria de Ricardo conduz com a mestria habitual. Prenuncia-se uma boa surpresa para início de ano.

Além do duo e dos Black Mountain, o Musicbox anuncia também no seu cartaz os Dengue Dengue Dengue, tradição sul-americana e electrónica global (8 de Janeiro), Gaika + Vilão no dia seguinte, em concerto inserido nas sessões Rimas e Batidas programadas por Rui Miguel Abreu, e as madrilenas Hinds, que chegarão a 5 de Fevereiro para mostrar o seu punk lo-fi e um novo álbum, Leave Me Alone.

Em Abril, será a vez de os multiformes Teeth of the Sea apresentarem o seu quarto disco, High Deadly Black Tarantula (electrónica, música experimental e sugestões de metal para ouvir dia 9), e de os Lust for Youth mostrarem, dia 16, a mudança de direcção operada em International. Quanto a Maio, arrancará com o regresso do cantautor Damien Jurado (dia 4).

Para além destes concertos assinala-se a estreia da Festa Moderna, ou seja, as noites com selo Cuca Monga realizadas a cada trimestre. Nelas, os membros dos Capitão Fausto e dos seus diversos projectos paralelos convidam outros músicos a juntarem-se-lhes para reinterpretar música sua e de outros em novas formações.

Os bilhetes para todos os concertos estão já disponíveis nos locais habituais.