Fotografia

“We Claim The Right”: o grito das Anarchicks

Fotogaleria

Katari, Lola, Synthetique e Lefay. São elas actualmente as Anarchicks, uma "banda de raparigas, ponto!" que gosta de fazer disparar os décibeis a cada acorde. Usam nomes de guerra, o que faz sentido. "Fora dos palcos, são veterinárias, 'copywriters', psicólogas, bioquímicas. Em cima deles são o que quiserem ser." Assim reza a notícia do lançamento de "We Claim The Right", o EP do quarteto lisboeta lançado pela editora digital BLITZ Records, que será conhecido em breve. Para já pode-se ouvir o single com o mesmo nome, o primeiro avanço do segundo álbum, que verá a luz na primeira metade de 2016; e o vídeo-manifesto #WeClaimTheRight, protagonizado por Carolina Torres. "Mais do que uma música, 'We Claim The Right' pretende ser um hino à liberdade individual e à afirmação da cidadania", apresenta a banda no seu site. "Um grito por uma sociedade mais justa para todos." Na sexta-feira, 4 de Dezembro, estiveram debaixo do palco do Teatro Municipal Rivoli, no Porto, no ciclo Understage para apresentar as novas canções. O fotojornalista Paulo Pimenta esteve lá e fotografou tudo.

Sugerir correcção