Apresentação das selecções do Mundial: Austrália

Capazes do melhor e do pior, os Wallabies tanto podem ficar pela fase de grupos, como chegar à final

A Austrália é, provavelmente, a maior incógnita deste Mundial. Com um currículo repleto de vitórias e desempenhos memoráveis, do qual fazem parte duas conquistas da Ellis Webb Cup (1991 e 1999), os Wallabies não conseguem rivalizar com os All Blacks na qualidade (e quantidade) de opções disponíveis, mas num dia de inspiração podem bater qualquer rival. No entanto, com Inglaterra e País de Gales como rivais no Grupo A, os australianos podem ficar pela primeira vez pela fase de grupos, se mostrarem a sua pior face.

 

Desde que Michael Cheika tomou conta da equipa, em 2014, no seguimento da demissão de Ewen McKenzie, a Austrália subiu claramente de nível. Depois de passagens pelo Rendwick, Leinster, Stade Français, e Waratahs, Cheika chegou finalmente a líder dos Wallabies, tendo trazido consigo confiança e determinação.

PÚBLICO -
Foto

 

PÚBLICO -
Foto

A equipa possui linhas atrasadas de grande talento, mas a primeira e segunda linha são claramente as principais fragilidades, estranhando-se por isso a exclusão do experiente James Horwill – o formação Nic White também ficou de fora.

 

Há, no entanto, muita qualidade e jogadores de alto nível, como Matt Giteau, Adam Ashley-Cooper, Drew Mitchell, Stephen Moore, Israel Folau, Will Genia ou Michael Hooper.

 

Curiosidade:

"A selecção dos Rabbits (coelhos) é uma das principais favoritas à conquista do título mundial de râguebi." Podia ser desta forma que a selecção da Austrália seria apresentada para este Mundial. Em 1908, durante uma digressão ao Reino Unido, a imprensa britânica, que tinha acabado de baptizar a Nova Zelândia de All Blacks, procurou fazer o mesmo para os australianos. Uma das sugestões acabou por ser Rabbits, mas o nome acabou por não ser bem acolhido na Austrália, já que o coelho não era um animal originário daquele país da Oceânia e era considerado uma praga nacional. Foi então que surgiu o nome Wallabies, em referência ao wallaby, um marsupial muito comum na Austrália.

 

Jogos na Fase de Grupos

23/09: Austrália-Fiji, 16h45

27/09: Austrália-Uruguai, 12h00

03/10: Inglaterra-Austrália, 20h00

10/10: Austrália-País de Gales, 16h45

 

Convocados

Avançados: Stephen Moore, Tatafu Polota-Nau, Greg Holmes, Sekope Kepu, Scott Sio, James Slipper, Toby Smith, Kane Douglas, Dean Mumm, Rob Simmons, Will Skelton, Scott Fardy, Michael Hooper, Ben McCalman, Sean McMahon, Wycliff Palu, David Pocock.

Três-quartos:  Will Genia, Nick Phipps,  Quade Cooper, Bernard Foley, Kurtley Beale, Matt Giteau, Matt Toomua, Adam Ashley-Cooper, Israel Folau, Rob Horne, Drew Mitchell, Henry Speight, Joe Tomane, Tevita Kuridrani.