Up Running - Passo(s) para iniciar a corrida!

"A boa prática da corrida permite o desenvolvimento de competências (físicas, mentais, emocionais) que podem levar a uma transcendência (na corrida e no dia a dia)."

Fotogaleria
Ana Bispo Ramires
Ana Rita Gomes - Treinadora Voleibol de Praia & Preparadora Física
Fotogaleria
Ana Rita Gomes - Treinadora Voleibol de Praia & Preparadora Física Ana Bispo Ramires

Acreditar nesse passo, investir nele, discipliná-lo e torná-lo cada vez mais eficiente (postura, técnica e reforço) e eficaz (uma economia de esforço que permite melhores resultados ao nível do bem estar e da prestação propriamente dita) é essencial. É um passo que envolve vários comportamentos (outros passos), importantes por si só, mas cujo resultado estará sempre dependente de outros passos. Deste modo, devem ser sempre enquadrados num todo. A disciplina nesta interrelação é que ditará a excelência dos resultados.

Realizar os exames que o médico sugerir, bem como uma avaliação da funcionalidade do movimento. Sem despender muitos recursos, podemos rapidamente determinar disfunções a diferentes níveis, o que fornece um ponto de partida perfeito para a definição de objectivos, a prevenção de lesões e potenciar padrões de movimento. Factores como os alicerces do movimento (qualidade da flexibilidade, da estabilidade, da amplitude articular e da força), a funcionalidade do movimento (capacidade de se mover, utilizando uma elevada variedade de movimentos com agilidade) e a habilidade (domínio da técnica de corrida) serão decisivos para o tão desejado bem-estar antes, durante e após a corrida.

Cada um terá o seu ponto de partida, o(s) seu objectivo(s) e, por isso, a definição da carga de treino (diária, semanal, mensal) terá a ver com estes (e mais alguns outros) factores. Nem todos têm que começar com caminhada e nem sempre, para melhorar a performance, se tem que mexer apenas no volume ou intensidade do treino. Privilegiar a qualidade do movimento é essencial. Deste modo, o primeiro passo deverá ser dado com quem sabe treinar. A aprendizagem, a aquisição e a consolidação de boas rotinas são fundamentais (quantidade e qualidade de estímulos dados no treino). As tarefas diárias, o desgaste emocional, as condições climatéricas e/ou a predisposição para a actividade (aquecimento) são também carga de treino que deve ser tida em conta. Além disso, a quantidade e qualidade da recuperação (alimentação, na qual está incluída a hidratação, descanso e/ou alongamentos, etc.), são também decisivas para uma melhoria saudável (equilibrada e progressiva) do rendimento na corrida.

A boa prática da corrida permite o desenvolvimento de competências (físicas, mentais, emocionais) que podem levar a uma transcendência (na corrida e no dia a dia). Esse bem-estar nem sempre significa ultrapassar limites... terá mais a ver com uma aprendizagem de como saber ultrapassar barreiras de forma inteligente (sejam elas físicas, mentais ou emocionais) e gozar de um cada vez melhor bem estar na corrida que será transversal a todos os outros momentos ou circunstâncias do dia a dia.

Ana Rita Gomes
Treinadora Voleibol de Praia & Preparadora Física

Programa UP Running - Coordenação Cientifica Dra. Ana Bispo Ramires
Coloque-nos a sua questão: [email protected]


conteúdos produzidos por Pressinform