Sweet Bigas: chips de batata doce com flor de sal de alecrim

Semanalmente, ao sábado, Ana Chaves, autora do blogue Sweet Bigas vai sugerir uma receita aos leitores do P3

Ana Chaves
Fotogaleria
Ana Chaves
Ana Chaves
Fotogaleria
Ana Chaves

Escrevo-vos de Praga pós-jantar. Antes de saber ao que vinha – que é como quem diz, o que me esperava em todo e qualquer restaurante – cozinhei e fotografei esta receita. Se fosse hoje, não o faria.

Desde que aqui cheguei, não comi um único prato sem batata (branca). As formas de apresentação/confecção são das mais criativas que tenho visto: temos o simples mas eficaz puré de batata, a batata frita clássica, batata no forno, gnochis, batata recheada com bacon, batata esmagada com pão, dumplings, panquecas de batata, batata gratinada com natas azedas e queijo e, por fim, salada de batata com pickles. A Praga da batata.

Devo acrescentar que é apenas o terceiro dia que levo desta vida de ócio, mas estes perdulários (de batata) fazem-me sentir que a “minha” sugestão, que antes me parecia digna de ser massivamente partilhada, é agora um parente pobre.

Perdoem-me, pois, por não trazer um arroz selvagem com espargos salteados em azeite de trufa ou um apple strudel com gelado artesanal de baunilha, canela importada e bagas de goji. Ainda assim, e fazendo uso da parca credibilidade que me resta, não deixem de fazer isto em casa. A batata doce tem inúmeras vantagens: ajuda a emagrecer devido ao alto teor de fibra, reduz o colesterol, tem baixo índice glicémico, é uma óptima fonte de vitaminas (sobretudo A e C) e de minerais (ferro e cálcio). Creio que os checos ainda não a descobriram – mas como é que se diz “Graças a Deus” nesta língua?

Do que precisas:

2 batatas doces médias

Flor de sal q.b.

1 ramo de alecrim

1 fio de azeite

Vamos a isto:

1. Pré-aquece o forno a 200º.

2. Num processador de alimentos, tritura a flor de sal juntamente com o alecrim. Reserva.

3. Corta as batatas em palitos (com casca) e distribui-as por um tabuleiro previamente forrado com papel vegetal.

4. Tempera com a flor de sal reservada e leva ao forno cerca entre 15 a 20 minutos, até dourarem.

5. Antes de servir, polvilha com mais um pouco de flor de sal e rega com um fio de azeite.