Segredos da luz de Lisboa desvendados no Terreiro do Paço

Exposição "A Luz de Lisboa" é inaugurada nesta quinta-feira à tarde e fica até Dezembro no Torreão Poente. Entrada custa três euros.

Foto

A exposição sobre a mítica luz natural da capital portuguesa vai ser inaugurada nesta quinta-feira à tarde, no Torreão Poente do Terreiro do Paço. Intitulada “A Luz de Lisboa”, esta é a primeira exposição sobre a forma como a ciência, a arte e a publicidade reflectiram sobre este fenómeno, e aproveita também a celebração do Ano Internacional da Luz.

Como o PÚBLICO noticiou aquando da apresentação do projecto, a exposição terá duas perspectivas essenciais: uma científica, baseada em tecnologias, gráficos e dispositivos interactivos que vão ajudar a explicar como se forma a luz típica da cidade; e outra artística, assente na cultura visual dos séculos XX e XXI, em particular na forma como as artes plásticas e o cinema reflectiram sobre o assunto. Haverá palestras, passeios de barco no Tejo para admirar a luz reflectida no casario e sessões de cinema.

Outra perspectiva está relacionada com a publicidade, em filme ou cartaz, e conta com a parceria do programa Imagens de Marca, da SIC.

“Provavelmente não vamos dar respostas, vamos antes ficar com mais perguntas, mas vamos tentar que os visitantes se envolvam e pensem no tema, esperamos também envolver as escolas”, declarou em Maio a comissária da exposição Ana Eiró, professora de física e ex-directora do Museu Nacional de História Natural e da Ciência. Acácio de Almeida, director de fotografia no cinema português e estrangeiro, é o outro comissário.

Esta é uma exposição temporária, organizada pela Câmara de Lisboa e pela Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC), que vai ocupar o Torreão Poente até 18 de Dezembro, com entrada paga (três euros). Tem o envolvimento do Museu de Lisboa, além do apoio da Fundação EDP e da parceria com outras instituições como o Museu Nacional de Arte Contemporânea, a Cinemateca e o Cinema São Jorge.

A inauguração está marcada para esta quinta-feira às 18h30, com a presença do presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, e a vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto.