Segundo intercalar deitou abaixo alguns grandes sites

O acrescento de um 61.º segundo aos relógios do mundo inteiro não parece contudo ter causado grandes transtornos na rede — excepto talvez no Brasil.

Foto
Por enquanto, o acrescento de um segundo à hora oficial, mais ou menos de três em três anos, vai continuar a ser feito DR

Receava-se que este acerto horário provocasse, como já aconteceu no passado, algum caos nas redes informáticas, que de cada vez que isto acontece são obrigadas a “aceitar” este segundo adicional apesar de ele não existir, por assim dizer, nos relógios internos dos computadores.

Mas segundo noticiou entretanto online a revista Computerworld — citando dados fornecidos pela Dyn, empresa que analisa os fluxos globais de dados na Internet —, apesar de cerca de 2000 redes terem ido abaixo, a maior parte conseguiu recuperar rapidamente. O “soluço” parece não ter sido tão forte como em 2012, aquando da introdução do anterior segundo intercalar.

Ainda assim, relata o Daily Telegraph, alguns mega-sites tais como o Instagram, o Pinterest, o Netflix e a Amazon permaneceram desta vez offline durante uns 40 minutos.

As bolsas europeias, quanto a elas, estavam fechadas quando o tempo “marcou o passo”, uma vez que era de noite na Europa. E ainda segundo o diário britânico, o acerto não pareceu afectar as dos EUA, Japão, Austrália, Coreia do Sul ou Singapura.

Cerca de metade das redes que tiveram problemas situam-se no Brasil, salienta ainda Doug Madory, da Dyn, citado pela Computerworld. Segundo este especialista, isso poderá indicar que os fornecedores de acesso daquele país utilizam equipamentos (routers) que não estavam preparados para o evento. De qualquer forma, terá bastado, na maioria dos casos, reiniciar os routers para resolver o problema.  

A hora “universal” oficial (dita UTC) é medida, há várias décadas, por relógios atómicos super-precisos. E para conservá-la próxima da hora “natural” (solar) da Terra, cuja velocidade de rotação tem vindo a diminuir, tornou-se necessário acertá-la periodicamente, acrescentando segundos intercalares.