Benfica reconhece que encerrou capítulo Jorge Jesus

Clube em “conversações preliminares” com potenciais candidatos a treinador.

Uma imagem que faz parte do passado
Foto
Uma imagem que faz parte do passado Patrícia de Melo Moreira/AFP

A saída de Jorge Jesus do comando técnico do Benfica é agora oficial: a SAD do Benfica comunicou à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários que as negociações para a renovação do contrato com o treinador “foram encerradas”. Os “encarnados” já estão a sondar “potenciais candidatos” à sucessão do técnico português.

“A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248º do Código dos Valores Mobiliários, informa que em função das notícias veiculadas ontem e hoje relativamente a um possível compromisso com outra SAD do nosso actual Treinador da equipa principal de futebol, foram encerradas quaisquer negociações relativas a uma eventual renovação do contrato que termina em 30/Jun/2015. Em consequência, iniciaram-se conversações preliminares relativas a potenciais candidatos a Treinador da equipa principal de futebol”, pode ler-se no comunicado.

Jorge Jesus prepara-se para assumir o lugar de treinador do Sporting sucedendo a Marco Silva, despedido “por justa causa” segundo comunicado da SAD “leonina”. O treinador português que em Julho completa 61 anos orientou o Benfica durante as últimas seis temporadas, tendo conquistado três títulos de campeão nacional, a que juntou uma Taça de Portugal, uma Supertaça e cinco Taças da Liga.

Com Jorge Jesus ao leme, o Benfica foi também duas vezes finalista da Liga Europa, tendo sido derrotado pelo Chelsea em 2012-13 e pelo Sevilha em 2013-14.